quarta-feira, 24 de maio de 2017

88 - FOTO PARA GUARDAR

A turma se reúne e tira uma foto com o grupo reunido.

Marcos Vinicius Mendes: "90 pontos! Essa transmissão foi um sucesso!"
Lancelote Alves: "Só faltou o narrador! Hahahahahahaha!"
Vinicius: "Não se preocupe, Gryz certamente será punido!"

(em Aiedo, na Associação dos Caçadores)

Macgaren: "Ainda bem que fugi à tempo, sem o Jaspion não tinha porque ficar perdendo tempo lá! Hahahahahahaha!"

(em Passeio)

Rolf Landale: "Chegamos!"
Dr. Nicolau: "A Amy está na enfermaria."
Rolf: "Vamos, Bernardo!"
Nicolau: "Rudo, Shir, Alys e Chaz também estão aqui."
Rolf: "Depois eu falo com eles! A prioridade agora é Amy!"

(em Monsen)

Naoto Tamura: "Ai! Ai! Que dor!"
Teim: "Você tem que agir com mais prudência, enquanto as atualizações não estiverem prontas você continuará correndo risco de vida, Perfect Jiban não é suficiente para derrotar o Agente Rolf, ele é poderoso demais, talvez nem Gavan conseguiria derrotá-lo."

(em Passeio)

Rolf: "Amy!"
Dra. Amy Sage: "Rolf... estou bem, a Leninha trouxe o Anthony e está aqui comigo."
Elenita Maria: "Mentira! Você só acalmou quando soube que Rolf havia chegado ao hospital."
José Bernardo: "Que bom te ver aqui, amor!"
(se beijam)
Rolf: "Não vou ficar pra trás, princesa!"
(Rolf se abaixa e troca um beijo com Amy)
Rolf: "Vou ver Shir, Rudo e Anna. Tome conta das meninas, Bernardo!"
Bernardo: "Ok!"

(não muito longe dali)

Rika: "Caramba... aprontaram muito dessa vez, hein?"
Chaz Ashley: "Muito... forte..."
Alys Brangwin: "Que dor..."
Julius: "Mamãe, mamãe!"
Alys: "Não se preocupe, logo, logo... estarei 100%."

(em Tonoe)

Gryz: "Te amo!"
Luana: "Te amo!"
(se beijam)
*trrrrim*
Gryz: "Eu atendo! Alô!"
?: "Você e a Luana estão demitidos."
Gryz: "O quê? Mas..."
(o telefone é desligado)
Luana: "O que aconteceu, amor?"
Gryz: "Nós somos..."
Luana: "?"
Gryz: "Os mais novos desempregados de Motávia!"
Luana: "O quê? Buáááááááá..."
(Gryz lhe dá conforto com beijos e abraços)

(em Aiedo)

Simona Valiante: "Tudo certo por aqui. Não evitamos as mortes, mas daqui pra frente tudo em ordem, não temos com o que nos preocupar."

(em Mile)

Guilhotina: "Tudo está ficando cada vez mais complicado..."
Cristina Faria: "Não se preocupe. No final a vitória será nossa."
Salada Mista: "Concordo plenamente!"
(Guilhotina e Cristina se beijam)

(em Passeio)

Matias: "Mel, que desastre."
Ana Melissa: "Isso não vai ficar assim!"

(na sala de O'Conner)

Governador O'Conner: "Apesar de Rolf ter derrotado Jiban, o tamanho do prejuízo é incalculável..."
Adena: "Quantas vidas se perderam..."

(não longe dali)

Kain Ji An: "........"
Hugh Thompson: "........"
Vovô dos Clones: "........"

(no dia seguinte)

Dr. Nicolau: "Estão todos liberados!"
Alys: "Oba!"
Chaz: "Vamos para casa!"
(Rika e Julius sorriem)
Anna Zirski: "Que bom que está recuperado!"
Rudolf Steiner: "Nossa vez de partirmos, amor!"
(se beijam)
Shir Gold: "Que bom que estão todos aqui!"
Rolf: "Te amo!"
Amy: "Te amo!"
(se beijam)
Elenita: "Já vai, amor?"
Bernardo: "Sim, o vôo parte em menos de 10 minutos! Fui!"
(Elenita e Bernardo dão um beijo de despedida, e Bernardo parte em um táxi disparado para o aeroporto)
Elenita: "Buáááááááá..."
Amy: "Por que não foi com ele até o aeroporto?"
Elenita: "Se eu fosse lá iria beijar tanto ele que ele perderia o vôo. Como o amo... buááááá..."
Rolf: "Não chore. Estamos aqui, juntos torcendo sempre um pelo outro."
(Elenita sorri)
Elenita: "Vamos tirar uma foto com todo mundo junto?"
Shir: "Eu topo."
(todos os outros fazem sinal positivo e Dr. Nicolau tira a foto da turma reunida)

Nota:

Fim da temporada. E desta vez, não tenho mais episódios escritos guardados para postagens futuras. Por isso, este episódio é um mini-epílogo porque não sei quando a historinha será retomada.

terça-feira, 23 de maio de 2017

87 - PRIMEIRA LUTA

A primeira luta frente a frente entre Jiban e Rolf.

Shir Gold: "Sinta o poder da Shir dos Ventos! Tornado!"
(Jiban usa a ventania do Tornado a seu favor, equipa o Daidalos e, voando em alta velocidade, acerta o Golpe Jiban em Shir)
Shir: "Nããããoooo!"
Anna Zirski: "Shir!"
Rolf Landale: "Droga! Temos duas desmaiadas agora!"
Rudolf Steiner: "Não tenho como te ajudar, fui bastante ferido, eu e Anna vamos levar as meninas para o médico, ok?"
Rolf: "Agora virou pessoal. Era pra eu ter quebrado sua cara desde o início!"
Jiban: "Você fala demais. Vamos começar a luta!"
Rolf: "Vá pro inferno, seu porco assassino!"
José Bernardo: "Hora de sentar o traseiro e assistir de camarote."
(Rolf e Jiban começam a trocar golpes)

(na Motávia TV)

Lancelote Alves(cochichando): "80 pontos de audiência! Recorde histórico."
Marcos Vinicius Mendes: "E temos aqui um combate."

(em Aiedo)

Gryz: "Estão me chamando para narrar o combate. Desculpe o patrão, mas, nem pensar, é algo sério demais para ficarem brincando na TV como se fosse um evento esportivo comum."
Luana: "Será que vamos sofrer alguma represália?"
Gryz: "Espero que não, mas tenho que ficar preparado."

(na entrada do estádio)

Rolf: "Ninguém vai mais morrer em suas mãos. Nathu!"
(Rolf solta uma técnica poderosa de luz, mas Jiban se esquiva)
Rolf: "Nafoi!"
(Rolf solta três pilares de fogo, Jiban consegue escapar dos três)
Jiban: "Auto Canhão! Pistola Metralhadora!"
(Rolf desvia de todos os ataques)
Jiban: "Espada Maximillian!"
Rolf: "Espada de Lacônia!"
(voltam a trocar golpes)

(no Hospital de Amy, em Passeio)

Dr. Nicolau: "Hospital lotado hoje! Muita gente chegando, e não para de chegar mais."

(em Aiedo)

Rolf: "Tome isso!"
(Jiban se esquiva do golpe e contra-ataca acertando Rolf)
Rolf: "Não!"
(Jiban se aproveita e tenta perfurar Rolf com a Agulha Giratória, porém Rolf consegue escapar e acerta uma sequência de três golpes no Policial de Aço)
Jiban: "Droga!"
Rolf: "Não vou deixar que você transforme Motávia em um mar de sangue! Gizonde!"
Jiban: "Argh!"
(Jiban é atingido pela técnica com eletricidade de Rolf)
Bernardo: "O quê? Cerol Elétrico!"
(Bernardo ataca vários Monges Mascarados que planejavam um ataque surpresa com sua pipa com cerol carregada de eletricidade)
Bernardo: "Ufa! Vamos continuar com a programação normal agora."

(em Passeio)

Governador O'Conner: "Muito bom! Rolf está controlando bem a luta."
Adena: "Nesse ritmo ele vai vencer sem grandes problemas."

(em Aiedo)

Rolf: "Toma! Toma! Toma! Toma! Toma!"
(Rolf, dominado pela fúria, acerta uma sequência de vários golpes poderosos em Jiban)
Jiban: "Ugh..."
(Começa a sair bastante fumaça da armadura de Jiban e ele demonstra dificuldades de se manter de pé)
Rolf: "Quando estou dominado pelo ódio, sou indestrutível."
Bernardo: "Não, Rolf, não faça isso!"
Rolf: "Hein?"
Bernardo: "Nâo tente usar a técnica proibida. Você sabe melhor do que eu que ela drena a energia vital das pessoas que você ama. Amy saiu daqui passando muito mal, seu corpo pode não aguentar se você usar Megid!"
Rolf: "Megid? Como sabia? Como conhece Megid?"
Bernardo: "Já disse para não me subestimar."
Jiban: "Não baixe a guarda! Auto Canhão! Canhão Final!"
Rolf: "Escudo Real!"
(Rolf se deixa atingir pelo Canhão Final, mas sai ileso dele)
Jiban: "Não pode ser! De que mundo você veio! Você não é humano."
Rolf: "Sou descendente da heroína de Motávia, Alis Landale! Seu espírito vem até mim para me proteger de todo o mal deste mundo."
Jiban: "Droga, o que eu faço?"
Rolf: "Nazan!"
(Rolf solta uma rajada de vento contra Jiban, desta vez Jiban não consegue escapar e bate contra a parede)
Jiban: "Não posso morrer!"
(O visor de Jiban começa a piscar)
Teim(de Monsen): "Perigo, Jiban! Não continue lutando ou você será destruído!
Rolf: "Vai morrer agora!"
Bernardo: "Pare, Rolf! Recebi um telefonema dizendo que Amy teve uma queda de pressão. Só você pode deixá-la mais calma! Vá embora agora!"
Rolf: "Droga! Você deu sorte!"
Jiban: "Dá próxima vez será diferente! Spyras!"
(Jiban vai embora, e Rolf e Bernardo entram correndo no carro do Herói de Motávia)
Bernardo: "Desculpe, Rolf, mas sei o quanto a Amy é importante para você. Eu não conseguiria viver sem minha Leninha."
Rolf: "Não se preocupe, você agiu corretamente."
Bernardo: "Espero que ao menos Jiban demore a descobrir que o Escudo Real só pode ser usado uma vez por dia."
Rolf: "Até disso você sabe? Você sabe tudo mesmo, Bernardo..."
Bernardo: "Hehe..."
Rolf: "Só não fala muito alto que sempre pode ter alguém escutando."
Bernardo: "È aquele Wolf Lion, certo?"
Rolf: "Nem me fale..."

(na Motávia TV)

Vinicius: "90 pontos! Essa transmissão foi um sucesso!"
Lancelote: "Só faltou o narrador! Hahahahahahaha!"
Vinicius: "Não se preocupe, Gryz certamente será punido!"

Nota:

"Temos um combate" é referência ao "temos um jogo" do Everaldo Marques da ESPN.

quarta-feira, 17 de maio de 2017

86 - ROLOU UM CLIMA

A discussão entre Simona e Lemadan termina de forma inesperada.

Monge Mascarado: "Morte aos hereges!"
(vários torcedores são assassinados pelos Monges Mascarados)
Mascarado: "Idiotas! Quem troca sua religião por um jogo de futebol não merece sobreviver!"

(na entrada do estádio)

Chaz Ashley: "Por que você matou os torcedores? Eu te desafio!"
Policial de Aço Jiban: "Morra! Auto Canhão! Pistola Metralhadora!"
Chaz: "Não!"
(Chaz não consegue se desviar e Alys se põe na frente dele para receber os tiros)
Chaz: "Alys! Por quê?"
Alys Brangwin: "Não vou morrer... não se preocupe..."
Chaz: "Alys! Não posso deixar você aqui, vamos embora."
Jonas: "Deixa que eu levo ela! Cuide dele!"
Alys: "Não, seu idiota, vai ser pior!"
Chaz: "Morra, policial assassino! Corte Cruz!"
(Jiban segura a espada de Chaz com o Poder Braquial e contra-ataca)
Jiban: "Espada Maximillian! Golpe Jiban!"
Chaz: "Aaaaaahhhhhhh!"
(Chaz é atingido em cheio e agora são dois corpos estendidos no chão)
Rickson: "Eu te ajudo, Jonas, vamos levá-los para um local seguro e chamar a ambulância."
Jonas: "Ok!"
Raquel: "Eu chamo a ambulância!"

(perto dali)

Mascarado: "Vou matar mais um... aaaahhhh!"
(o Monge Mascarado é decapitado por um jovem equipado com uma pipa)
José Bernardo: "Sinta o poder da minha Linha Chilena! Quem quer levar mais?"
Mascarado: "Socorro!"
Bernardo: "Tome isso! Bola explosiva!"
(Bernardo ataca o oponente com uma bola de gude, que causa uma explosão ao encostar nele)
Mascarado: "Vem! Vem! Linha Cerol!"
(Bernardo faz cortes profundos em várias partes do corpo de vários Monges Mascarados atingidos em sequência, como um retalhador)
Rolf Landale: "Aqui não é lugar para crianças!"
Bernardo: "Você? Que arrogância é essa? Não me subestime!"
Rudolf Steiner: "Você veio aqui visitar sua namorada, não veio soltar pipa muito menos brincar de bolinha de gude."
Bernardo(com raiva): "Gggrrrrrr..."
Anna Zirski: "Enquanto você está de pirraça, torcedores estão morrendo."
Dra. Amy Sage: "Não estamos te expulsando, apenas queremos te proteger."
Shir Gold: "Você pode coletar dados de Jiban para a gente e nos enviar ao término da batalha."
Bernardo(cabisbaixo): "Tá, tá, cinco contra um fica meio difícil tentar reverter a situação."

(na Motávia TV)

Marcos Vinicius Mendes: "Não é possível! Centenas de mortos! E grande parte deles foi assassinada pelo Jiban!"
Lancelote Alves(cochichando): "Nossa audiência já está em 60 pontos."

(em Aiedo, um pouco longe do estádio)

Simona Valiante: "Não se metam! A polícia já está cuidando dos arruaceiros que sobreviveram."
Lemadan: "Se você não deixar a gente passar..."
(os dois se olham fixamente um para o outro, Simona demonstra uma mistura de ódio e desprezo por Lemadan)
Ana Melissa: "Ataca, mano! Tá esperando o quê, por que não tem coragem de bater nela? O que está acontecendo com você?"
Lemadan: "... vamos embora! Ela está certa."
Melissa: "Hein?"
Simona: "Que bom que ele foi consciente, senão ele estaria preso por desacato à autoridade."
Lemadan: "vamos deixar o peixe grande com Rolf. Nós já demos a lição que ele merecia."
Melissa(contrariada): "Que bicho te mordeu? Tá apaixonado, é?"
Lemadan: "........"
(Melissa acerta um chute em Lemadan)
Lemadan: "Qualé, mana? Tá com ciúme? Não tô gamado não, só não estou afim de lutar."
Melissa: "Hmpf..."
Simona(com cara de brava): "........"

(em Kadary)

Mago Negro Zio: "Hmpf... a brincadeira vai começar. Ainda bem que não fui, tô com preguiça de matar hoje."
Juza: "Quer que eu mate alguns para você."
Zio: "Não, você não venceria a luta contra quem não está lá."
Juza: "Sim, meu amo. O senhor está certo, sempre certo."

(em Torinco)

Fantástico Jaspion: "Sem sinal de Zio, só de alguns peõezinhos dele, ainda bem que não perdi tempo indo para lá, eles que se entendam."

(em Piata)

Shelley: "Droga, pensei que ia aproveitar o futebol e beber a tarde toda. Acabou a sopa, não tem mais clima..."

(em Aiedo)

Rolf: "Chegamos! Agora é comigo."
Jiban: "Veio me desafiar, garoto?"
Rolf: "Por que você matou os torcedores? Eles só eram um poquinho bitolados com futebol, era só prendê-los e bani-los de estádios."
Jiban: "Cale e boca, eles depredaram e saquearam muita coisa, além de termos vários feridos e mortos aqui. Tive de usar a força."
(Amy desmaia ao ver a quantidade de mortos espalhados pelo chão)
Rolf: "Princesa!"
(Rolf vai correndo socorrer sua amada)
Rudo: "Tome isso!"
(Rudo dá vários tiros em Jiban, mas ele escapa de todos, os que o acertam não causam dano)
Anna: "Tome isso!"
(Anna arremessa seu bumerangue, que Jiban pega com a mão ao vê-lo se aproximar e o arremessa de volta contra a heroína)
Anna: "Aaaaaahhhh!"
(Rudo se coloca na frente e recebe o ataque)
Rudo: "Argh!"
Shir: "Sinta o poder da Shir dos Ventos! Tornado!"
(Jiban usa a ventania do Tornado a seu favor, equipa o Daidalos e, voando em alta velocidade, acerta o Golpe Jiban em Shir)
Shir: "Nããããoooo!"
Anna: "Shir!"

sábado, 13 de maio de 2017

A Escolha (A Seleção - Livro 3)

E, enfim, após exatamente dois meses, terminei a leitura da trilogia principal de America Singer, a protagonista dos três primeiros livros da série "A Seleção", apaixonante romance da americana Kiera Cass.
Este terceiro livro que fecha a primeira geração da saga principal, tem um pouco mais de ação e aventura que os anteriores, mas sem perder a dose de romance que marca o tom e dita o ritmo da série. Mais uma vez, nota 8,5. Não leva mais porque achei o final meio corrido, não sei se o número de páginas de cada livro da série é "engessado" pela editora, mas por causa disso a parte final da trama tem um furinho que não compromete a (por que não) novelinha.
Isso mesmo, novelinha. Se a autora fosse brasileira com certeza "A Seleção" já teria parado na Globo pelas características de novela/drama/romance da saga(eu voto novela das 7, que geralmente são as obras para um público jovem, mas poderia também ser "supersérie" ou "maxisérie", ou seja lá qual o nome que a Globo gosta de chamar suas séries, ultimamente adoram enfeitar. Em caso de sucesso no Japão(não sei se foi o caso), poderia ter virado um mangá shoujo, ficaria excelente também, não hesitaria em colecionar.
Mas, falando sério agora, os fãs cruzam os dedos mesmo é para parar em Hollywood ou no Netflix. Espero que os ianques não deixem passar a oportunidade, eu assistiria na semana de estreia, seja qual fosse o caso.
Para finalizar, não planejo começar a ler o livro 4 de imediato. Antes, devo caçar uns fanfics da saga de America.

PS 1: O personagem Ed, o mais novo combatente do game "Street Fighter V", é mais ou menos como eu imagino o Príncipe Maxon.
PS 2: O Brasil é citado nos agradecimentos do livro 2, esqueci de citar no post de "A Elite"! Demais!

sexta-feira, 12 de maio de 2017

85 - GOLEADA

Resultado surpreendente no grande clássico de Aiedo.

José Bernardo(sorrindo): "Vamos ficar só nós dois na casa da Amy."
Elenita Maria(vermelha): "Zé..."
(se beijam)

(no domingo)

Marcos Vinicius Mendes: "Aiedo está parada. Vamos ficar atentos."
Lancelote Alves: "Vamos ganhar muita audiência hoje."

(em Aiedo)

Policial Nakata: "Nossa! O Hipermercado Baratin até fechou por causa do jogo!"
Jonas: "Pra você ver..."
Nakata: "Falando nisso, estou sabendo que você vai casar, não é?"
Jonas: "Sim, será no dia 20 de outubro, será o evento que marcará o início do Aniversário Baratin."
Nakata(de queixo caído): "Hã? Vocês vão se casar dentro do supermercado?"
Jonas: "E qual o problema?"
Nakata: "Nenhum, é que eu não faria isso, hehehe."
(Raquel e Renata se aproximam)
Raquel: "Vamos torcer, amor?"
Jonas: "Vamos, hoje o Baratin vai vencer de goleada!"
(se beijam)

(na Associação dos Caçadores)

Alys Brangwin: "Olha a companhia de hoje. Tenho que aguentar isso mesmo?"
Macgaren: "Será que o Maldito Jaspion vem assistir ao jogo?"
Rickson: "Aiedo Hunters vai vencer!"
Chaz Ashley: "Vamos logo, pessoal, estou ansioso!"

(na cabine do Estádio do Aiedo)

Gryz: "Olá, amigos, estamos aqui para levar para você, amigo telespectador, o jogo do ano, Baratin X Aiedo Hunters!"
Luana: É um grande clássico, e clássico não tem favorito."

(em Passeio)

Governador O'Conner: "Obrigado por colaborarem. Estejam preparados para qualquer eventualidade."
Rolf Landale: "Sim, senhor!"
Dra. Amy Sage: "Estamos preparados para o que der e vier."

(em Oputa)

Elenita Maria: "Já botei a pipoca no micro-ondas, amor!"
José Bernardo: "Ok, deixa eu só trocar a fralda do Anthony e estou indo para o sofá."

(em Aiedo)

Gryz: "E começa a partida!"

(minutos depois)

Gryz: "Gooooooooolll! É do Baratin!"
Jonas, Raquel: "Viva!"

(do outro lado do estádio)

Alys: "M*rda!"

(minutos depois)

Gryz: "Gooooollll!"

(e assim por diante, até chegar ao placar de 7 X 0)

Gryz: "Que humilhação! Quando esse carnaval vai parar!"
Luana: "Olha, o gol de honra."
Gryz: "Nem vou gritar gol, o jogo já está decidido faz tempo."
Luana: "Goleada histórica! Pane geral no Aiedo Hunters."
Gryz: "E o juiz apita! Fim de jogo! Baratin 7 X 1 Aiedo Hunters!"

(no estádio)

Jonas, Raquel: "Êêêêê..."

(em outro ponto do estádio)

Alys: "C******."
Rickson: "Ei, olhe, pancadaria generalizada na saída do estádio."
Chaz: "Vamos intervir."

(na cabine)

Gryz: "Vamos ter que encerrar a transmissão agora, infelizmente sem pós-jogo, isso aqui virou uma guerra."
Luana: "Beijinho, beijinho, tchau, tchau."

(em Oputa)

Bernardo: "Droga, não posso ficar aqui parado. Vou ajudar nossos amigos, você fica com o menino."
Elenita: "Não, por favor, eu não quero te perder, ele pode estar lá!"

(em Aiedo, pancadaria generalizada nos arredores do estádio, com várias lojas sendo depredadas e saqueadas, incluindo atos de violência causando até mortes)

*ratatatatatatata*
(uma metralhadora é disparada contra centenas de torcedores, causando um verdadeiro massacre em Aiedo)
Policial de Aço Jiban: "Cláusula nº 10 - O Policial de Aço Jiban pode imobilizar qualquer elemento que perturbar a ordem pública e o seu patrimônio."

(do outro lado do estádio, vários torcedores são atacados por Monges Mascarados)

Monge Mascarado: "Morte aos hereges!"

Notas:

1- "Beijinho, beijinho, tchau, tchau" é referência à Rainha dos Baixinhos.
2- O placar de 7 X 1 é referência ao Alemanha 7 X 1 Brasil da Copa do Mundo Brasil 2014, que dispensa apresentações.

segunda-feira, 1 de maio de 2017

A Elite (A Seleção - Livro 2)

E Vamos nós com a segunda parte da trilogia da saga de America Singer em busca de seu grande amor. "A Elite", continuação de "A Seleção" manteve o nível, com o romance sempre em alta. Nota 8,5:

1- Se por um lado ele não tinha mais o "frescor" de "A Seleção" por ser uma novidade, por outro lado ele me prendeu mais e eu li mais rápido, em duas semanas e meia, pouco mais da metade do tempo do primeiro livro.
2- No primeiro livro uma de minhas passagens preferidas era um trecho que mostrava como o amor podia ser belo e machucar ao mesmo tempo. Neste livro, uma parte que me marcou foi uma que fez lembrar o mundo selvagem, e, principalmente, competitivo, em que vivemos, onde a linha entre a rivalidade e a inimizade é muito tênue.
3- Com a diminuição do número de candidatas remanescentes, houve a possibilidade de um desenvolvimento bem melhor das personagens, já que havia um número bem menor delas no livro.
4- A carga emocional aumentou, com algumas partes bem dramáticas, fazendo-o lembrar às vezes de uma verdadeira novela/série. Há inclusive uma passagem que chega a ser "medieval" nele, mas sem que haja em nenhum momento a perda da essência da história contada na saga: muito amor, romantismo, e sensibilidade à flor da pele. Kiera Cass continuou mandando muito bem.
5- Houve também mais diversificação na abordagem dos temas do livro, com política e história de Illéa, o país fictício onde se passa o universo de "A Seleção".

Para fechar, este post acredito estar bem menos inspirado do que o do primeiro livro, mas acho que dá pro gasto, o post de hoje(e os outros daqui pra frente, ainda faltam três livros para eu ler) acredito que se encaixa mais como um dos "apêndices" do post do mês passado.

84 - CONSOLIDAÇÃO DOS CASAIS

Noite feliz para dois casais motavianos.

Dra. Amy Sage: "Peraí, estão me ligando! Vou atender! Deve ser ele!"
Shir Gold: "Amiga, você venceu!"
Elenita Maria: "Mais um motivo para nossa festa! Oba!"
(Amy começa a gritar, beijar e abraçar todos, um por um)
Amy: "Eu venci! Eu venci! Eu venci!"
Renata: "Afffff..."

(em Tonoe)

Gryz: "Domingo é o dia do grande clássico de Aiedo.
Luana: "Precisamos nos preparar.
Gryz: "Estou com um mau pressentimento, amor."
Luana: "Gryz... não fale isso, por favor..."

(em Passeio)

Nei: "Buááááááááá... é tão safado que se esqueceu do meu aniversário. Que presente de grego, ele não teve um pingo de consideração..."

(no Lariat da Rocha)

Rolf Landale: "Cheguei!"
Amy: "Meu amor!"
(Amy se levanta e rouba um beijo de Rolf instantaneamente)
Raquel: "Parabéns, amiga."
Jonas: "Agora que já estão todos aqui, posso revelar a surpresa de hoje."
Shir: "Qual?"
José Bernardo: "Estamos curiosos."
Jonas: "Estão todos prestando atenção?"
Renata: "Não, o Rolf e a Amy não estão nem aí para a Hora do Brasil."

(em Monsen)

Naoto Tamura: "Nesse domingo sinto que vou ter que agir."
Teim: "Tome cuidado, titio."

(em Passeio)

Rolf: "Mais?"
Amy: "Daqui a pouco, o Jonas quer falar com a gente."
Rolf(vermelho): "Desculpe te atrasar, Jonas. Pode prosseguir."
Amy(vermelha): "O que será?"
(Amy pisca o olho para Raquel)
Jonas: "Raquel..."

(em Zema)

Wolf Lion: "Então o casamento de Rolf acabou de vez?"
Jay Nights: "Sim, nossas fontes já apuraram e confirmaram a informação)
(as pulguinhas de Wolf Lion começam a pular)
Wolf: "Ahahahahahahahahahahahahaha."
Jay: "Kakakakakakakakakaka."

(em Passeio)

Raquel(olhos brilhando): "Fala, querido."
(Jonas pega um par de alianças e o mostra para todos)
Jonas: "Raquel, você quer casar comigo?"
Raquel: "Eu... eu..."
(Jonas se prepara para colocar uma das alianças em um dos dedos de Raquel)
Raquel: "Eu... eu... quero... quero casar sim!"
(Jonas termina de colocar a aliança em Raquel, e em seguida ela desmaia)

(minutos depois)

Renata: "Acordou? Pensei que você é quem iria para o hospital dessa vez..."
Raquel(olhos brilhando): "Estou tão feliz!"
Rolf: "Não precisa ficar com inveja não, princesa."
(Rolf pega um par de alianças e mostra para Amy)
Amy: "Oi... me belisca... isso é um sonho!"
(Rolf coloca a aliança em Amy e em seguida trocam um beijo apaixonado. Raquel e Jonas fazem o mesmo)
Elenita: "Vamos vibrar, pessoal!"
(todos os componentes da mesa comemoram, vibram e aplaudem os pombinhos)

(em Zema)

Wolf: "Novidades, amigão!"
Jay: "Fala."
Wolf: "Rolf e sua menina assumiram compromisso."
Jay: "Interessante..."
Wolf: "E o casalzinho do mercado vai casar, mas eles não são tão importantes para a gente."
Jay: "Vou colocar uma notinha só para não deixar passar em branco."

(nos corredores da Motavia TV)

Marcos Vinicius Mendes: "Se preparara que domingo a gente pode entrar com plantão, hein?"
Lancelote Alves: "Estou ciente..."

(em Passeio)

Amy: "Leninha..."
Elenita: "Sim, já sei..."
Chaz Ashley: "Então você, Rolf, Jonas e Raquel vão juntos para o Motel Palmeira?"
Alys Brangwin: "Eles vão para quartos diferentes, seu lerdão."
(Alys dá um beliscão em Chaz)
Chaz: "Iau!"
Renata: "Que panacas..."
Rika: "Deixa pra lá."
Bernardo(sorrindo): "Vamos ficar só nós dois na casa da Amy."
Elenita(vermelha): "Zé..."
(se beijam)

sexta-feira, 21 de abril de 2017

83 - A VITÓRIA DE AMY

Amy vence uma importante batalha em sua busca incansável pela felicidade.

Dra. Amy Sage: "Liga não, vamos rir um pouco na cantina."
Rolf Landale: "Eu pago."
(Rolf e Amy se beijam)
Renata: "Cavalheiro, hein?"
Raquel: "Mal-humorada..."

(em Mile)

Darum: "Teim, aonde você está? Juro que, se você for sequestrada, eu mato o criminoso!"
(Darum, no meio de sua revolta, solta vários tiros para o alto)

(em Passeio)

Shir Gold: "Adoro você. Meu passatempo."
Rickson: "Vamos brincar de caça-palavras?"
(se beijam)

(um semana depois)

Shir: "Que noite maravilhosa eu tive semana passada!"
Amy: "Está apaixonada?"
Shir: "A-pai-xo-na-da? Eu? Tá me estranhando, é?"
Amy: "Tá parecendo..."
Shir: "Não me chamo Amy."
Elenita Maria: "Olá, amigas!
Amy: "Leninha!"
Shir: "E quem é esse?"
Elenita(sorrindo): "Meu namorado."
José Bernardo: "Olá, meninas."
Amy: "Que bom que tudo terminou bem... vamos sair para comemor..."
Shir: "Ei, olhe."

(perto dali)

Jonas: "Cheguei."
Raquel: "Meu amor! Pensava que esse dia nunca chegaria."
(se beijam apaixonadamente)
Renata: "Vamos pra casa logo, depois a gente comemora. Não aguento mais esse lugar."
Raquel: "Deixa de ser chata, mana!"
(se beijam ainda mais)
Jonas: "Te amo!"
Shir: "Ei, nossa amiga também ganhou alta hoje! Vamos comemorar juntos!"
Raquel: "Vamos almoçar todos juntos no Lariat da Rocha."
Elenita: "Eu topo, vivaaaaaa!"
Amy: "........"
Renata: "Vai ficar aí? Vamos embora e você vai ficar na pista, hein?"
Amy: "........"
Shir: "Hoje não vai dar, amiga, sabe muito bem que a Nei vai receber alta hoje."
Amy: "Ok."
Elenita: "Vamos todos logo para lá!"
(Raquel e Elenita saem do hospital dançando e cantando)

(em Mile)

Darum: "Teim, aonde você está, minha filha?"

(minutos depois, em Passeio)

Rolf: "Nei..."
Nei: "Sabe aonde vamos agora, não é?"
Rolf: "Sim. Colocar um ponto final na nossa história."

(mais tarde)

Escrivão: "Assinem aqui."
Rolf: "Ok."
Nei: "Buáááááááá..."
(e assim, Rolf e Nei assinam o seu divórcio)

(no Prédio do Grupo de Resistência)

Governador O'Conner: "Muito bom, eles estão progredindo rápido."
Adena: "Estou ansiosa pelo resultado, espero que seja satisfatório."
(em seguida, ambos se olham e se beijam)

(em Oputa, mais tarde)

Rolf: "Lar, doce, lar... ei, a Amy deixou um bilhete para mim."
(Rolf lê o bilhete e se apressa para chegar rápido na confraternização de Elenita e Jonas)

(em Passeio, no Lariat da Rocha)

Amy: "Será que ele vai vir? Será que ele vai vir?"
Renata: "Vocè muito chatinha, hein?"
Shir: "Ele vai vir sim, amiga, fique calma."
Anthony: "Buááááááááá..."
Elenita: "Até o filhote está chorando, hehe."
Jonas: "Falando nisso, Bernardo, até quando você vai ficar com a gente?"
Bernardo: "Até segunda. Estou com vontade de assistir ao jogo de domingo."
Raquel: "Isso mesmo, o grande clássico de Aiedo! Estaremos lá também."
Chaz Ashley: "Aiedo Hunters X Baratin."
Alys Brangwin: "É com muito pesar que digo que estaremos em lados opostos no domingo, Raquel."
Nei: "O Hunters vai vencer."
Julius: "Estou até com o uniforme dele que a mamãe me deu."
Amy: "Peraí, estão me ligando! Vou atender! Deve ser ele!"
Shir: "Amiga, você venceu!"
Elenita: "Mais um motivo para nossa festa! Oba!"
(Amy começa a gritar, beijar e abraçar todos, um por um)
Amy: "Eu venci! Eu venci! Eu venci!"
Renata: "Afffff..."

Nota:

"Lariat da Rocha" é um trocadilho com a rede de restaurantes Pilão de Pedra/Pilograma, com todas suas unidades localizadas no Centro do Rio.

sexta-feira, 14 de abril de 2017

82 - ÓTIMAS NOTÍCIAS

Dia de boas novas para vários motavianos.

José Bernardo: "Já vai?"
Dra. Amy Sage: "Sim, preciso contar as novidades para o Conner."
Elenita Maria: "Não se preocupe, estarei bem aqui com o Zé."
Amy: "Beijinhos a todos os dois."
Bernardo: "Tchauzinho. Você é um amor!"

(mais tarde)

Governador O'Conner: "Enfim estamos juntos novamente!"
Rolf Landale: "Bem, já sabem de tudo, ou quase tudo, né?"
Dra. Amy Sage: "Eu coletei informações sobre o Policial de Aço Jiban."
Anna Zirski: "Estamos ansiosos pelas novidades."
Rudolf Steiner: "Espero que sejam novidades boas."
Rolf: "Da minha parte, não sao. A Nei abortou nosso filho e nosso casamento acabou."
Amy: "Rolf..."
Rudo: "Isso é grave."
Adena: "Espero que consiga superar esta fase dolorosa em sua vida."
O'Conner: "Aqui, Hugh, Kain e o Vovo dos Clones já começaram."
(e, durante o resto do dia, nossos heróis continuam trocando suas novidades)

(no Japão)

Shir Gold: "Já estou embarcando. Tomara que a viagem não tenha nenhum problema, estou com saudades do pessoal."

(no dia seguinte)

Shir: "Cheguei. Vou me apressar, quanto mais cedo eu entregar isso, melhor."

(mais tarde)

Shir: "Cheguei, chefinho!"
O'Conner: "Ótimo. Conseguiu o que precisávamos?"
Shir: "Tá na mão."
O'Conner: "Excelente! Vou entregar a Hugh e os outros imediatamente."
Adena: "Nem vai precisar, parece que eles estão saindo para descansar um pouco."
Shir: "Presentinho!"
Hugh Thompson: "Ótimo. Vou almoçar correndo hoje."
Kain Ji An: Estamos com você."
Vovô dos Clones: "A destruição do Policial de Aço Jiban é prioridade para nós."
Shir(sorriso colgate): "Eu vou comemorar pegando uns filés hoje. Até mais."

(em Oputa)

Rolf Landale: "Caramba! Só agora estou lendo a mensagem da Shelley! Tenho que ficar de olho naqueles fuxiqueiros..."

(em um bar de Piata)

Shelley(bebendo): "Meu herói traiu sua esposa com outra... por que não eu? Buááááááá..."

(em Aiedo, na Associação dos Caçadores)

Rickson: "Ei, Macgaren, estão me ligando?"
Macgaren: "Vai tretar hoje?"
Rickson: "Espero que não. Não tom com a mínima vontade. Espero que não tenha acontecido nada no Baratin."
Macgaren: "Se acontecer, talvez o Maldito Jaspion apareça lá, aí eu aproveito e acabo com ele! Hahahahahahaha!"
Rickson: "Cala a boca! Alô!"
Shir(na linha, com voz sexy): "Alô."
Rickson: "Alô, quem tá falando? Não estou reconhecendo a voz!"
Shir: "Sua amiga de todas as horas, você sabe."
Rickson: "Fala com sua voz normal!"
Shir: "Não tá me reconhecendo não, babaca? Sou a sua Shir Gold. Vamos sair esta noite, está desocupado?"
Rickson: "Estou sim, aonde vamos?"
Shir: "No Shopping Passeio. E depois... no Motel Palmeira. Topa?"
Rickson: "Shir... hoje é quarta-feira ainda, vamos deixar para sexta!"
Shir: "Sexta não dá, eu quero você pra hoje, seu borracha fraca!"
Rickson: "Shir, eu estou duro!"
Shir: "Vai negar fogo? Sabe muito bem que, de uma forma ou de outra, dinheiro não é problema para mim. Ou tá com vergonha de ir só por que eu vou pagar?"
Rickson: "Tá, tá, hoje à noite então."
Shir: "Gostei de ver. Como aperitivo, vou te mandar uma amostra grátis, assim que eu desligar o celular, dá uma olhada nas suas fotos."
Rickson: "Falou, Shir, tchau, até mais."
Shir: "Tchauzinho, gostosão."

(minutos depois)

Rickson: "Uau!"
(Rickson recebe em seu celular uma foto de Shir completamente nua, mandando um beijo para ele)

(mais tarde)

Rickson: "Boa noite."
Shir: "Gostou do aperitivo?"
Rickson: "Muito."
(Shir se esfrega em Rickson e começam a se beijar)

(no Hospital de Amy)

Dr. Nicolau: "Elenita, Jonas e Nei terão alta na semana que vem.
Amy: "Oba!"
Raquel: "Êêêê..."
Rolf: "Aleluia."
Amy: "Vamos aproveitar e botar o papo em dia, pessoal!"
Rolf: "Melhor impossível."
Renata: "Fofocando..."
Raquel: "Mana..."
Amy: "Liga não, vamos rir um pouco na cantina."
Rolf: "Eu pago."
(Rolf e Amy se beijam)
Renata: "Cavalheiro, hein?"
Raquel: "Mal-humorada..."

Nota:

O nome do hotel é um trocadilho com um famoso hotel da Zona Norte do Rio de Janeiro que, se lido de forma errada, tem um nome que remete ao futebol paulista.

sábado, 8 de abril de 2017

A Seleção (livro)



Ontem terminei de ler meu segundo livro da atual "temporada", "A Seleção", da autora americana Kiera Cass. Nota 8(pode subir para 8,5 se o resto da série manter o nível, afinal sem o sucesso dele não existiria a saga/universo "A Seleção).
Não cheguei a "devorar" o livro como a leitura anterior, "A Garota Italiana" de Lucinda Riley, fui lendo ele aos pouquinhos. Me interessei por ele quando li sua sinopse na internet, e vi que poderia dar caldo. O seu público-alvo(garotas adolescentes) poderia deixar um pouco algumas pessoas com um pé atrás, e ao vê-lo na Saraiva disponível na seção como um livro na estante infanto-juvenil, minhas expectativas eram de um livro "comum", mas de página em página, ele me surpreendeu:
uma leitura leve e divertida, que cumpre bem a sua função de entreter o leitor, com muito romance(com algumas partes realmente bem meladas, perfeito para fazer algumas garotas suspirarem e se derreterem) e um pouquinho de política(que, acredito eu, seja um tema que se desenvolva mais nos livros seguintes da série). Gostei do estilo da autora, ela escreve bem, ela sabe como prender e divertir o leitor. É daquelas obras capazes de transformar o humor de uma pessoa durante sua degustação, comigo aconteceu durante várias vezes, foi minha companhia em todo o mês de março ao lado dos filmes que assisti a cada semana.
"A Seleção" é o primeiro de uma série de livros que aborda um conto de fadas em um universo distópico que conta a história da protagonista America Singer em uma competição de 35 garotas que disputam o coração do príncipe Maxon(herdeiro do trono de Illéa, país sucessor dos Estados Unidos, que nesse meio tempo foi ainda o "Estado Americano da China" - o que me causa gargalhadas incontroláveis toda vez que ouço esse nome), em uma espécie de reality show(segundo os especialistas da saga, uma mescla de "The Bachelor" e "Jogos Vorazes") com transmissão da TV e tudo.
Meu coadjuvante preferido é um personagem chamado "Gavril Fadaye", uma espécie de "Amaury Jr. de Illéa", um cara que entrevista a família real e as grandes personalidades e celebridades do país na TV. Risadas garantidas.

No universo do livro, a sociedade é dividida em castas, uma crítica à nossa sociedade onde as classes sociais muitas vezes ditam a importância de cada indivíduo(quem nunca teve uma experiência ao menos ouviu de uma experiência de um parente/amigo/conhecido, por exemplo, daquele cara da periferia que sofria resistência dos familiares de sua namorada da Zona Sul?). No livro, por exemplo quando um casal é formado entre duas pessoas de castas diferentes, a burocracia para o casamento é infinitamente maior.
São 8 castas no universo de "A Seleção", e não vou me estender aqui no post sobre o tema, mas só vou por um adendo rapidinho: como a autora é de um país onde os professores são valorizados, no livro eles são de casta Três, o que pode causar estranheza para os leitores daqui do Brasil, por exemplo. Se a historia se passasse em Terra Brasilis com certeza a turma do magistério infelizmente seria casta Seis para baixo...
No livro tem um telejornal norturno em que o país inteiro para assistir, e todos, até os mendigos(que procuram um botequim com TV) ficam hipnotizados em frente à telinha para assistir ao "Jornal Oficial", que apesar de ser de um universo de fantasia, o fenômeno que ele causa não é tão distante do que a gente vê, por exemplo, em nosso país, com um tal...

Sobre o público-alvo, confesso que nunca dei muita trela para isso, se a história for boa acompanho ela independentemente dela ser direcionada para crianças, garotas, etc. Quando colecionava mangás, batia muito forte em fóruns de internet em relação a essa segmentação de públicos sobre isso não funcionar muito por aqui(eu colecionei muitos mangás shoujo, e o meu preferido dos que comprei é justamente um do gênero, chamado "Fushigi Yuugi", recomendadíssimo, linda história - e meu anime preferido da Geração Manchete era "Sailor Moon"). Inclusive por causa de meus gostos pessoais costumo ir a sessões de cinema onde a maioria de espectadoras é do público feminino(com a grande exceção, como não poderia deixar de ser, de "Logan").
Os nomes utilizados para as localidades são muito criativos. Tem Carolina(aliás, tem até uma cidade-xará que virou uma notícia essa semana na Globo por causa de um carteiro do Maranhão) por causa Carolina do Norte/Sul, (Los) Angeles(capital), Noruécia(Noruega + Suécia), Hondurágua(Honduras + Nicarágua), só para citar alguns.
Um dos eventos do livro me fez lembrar de longe um clichê utilizado também em novelas turcas. Não posso me estender sem soltar spoilers, só digo que é uma espécie de "inversão".
O livro, por algumas razões, também me faz lembrar de um de meus games preferidos - Phantasy Star III:
A- Um futuro onde a tecnologia regrediu ao invés de avançar.
B- A existência de uma nova geração na saga após a protagonista alcançar a felicidade.
C- Uma linha de tempo alternativa que inexiste nos livros, mas que tenho quase certeza que deve existir no fandom(leia-se fanfics). Não posso soltar spoilers violentos aqui, mas aqui vai a dica para os "phans": Maia/Lena.
O final do livro é eletrizante e deixa o leitor com vontade de ir correndo para a livraria compra sua sequência, "A Elite". Ou de começar a lê-lo, caso ele já tenha se antecipado. Segunda é a minha vez.
Eu comprei a trilogia em março, e é questão de tempo eu comprar os livros 4 e 5. Já os extras eu não devo comprar, após "A Coroa", devo partir para o mundo mágico e inventivo dos fanfics.


Atualização do post 09/04: esqueci de dizer: comprei o livro na promoção da Saraiva do Dia da Mulher, que dava desconto de 50% para qualquer livro comprado por qualquer cliente cadastrada no site. Ao contrário do que fora anunciado nas redes sociais, a menos que tenha ocorrido um erro no sistema na hora da minha compra, a promoção valia para todos os clientes, isto é, homens também, aqui está a "prova do crime":

81 - DIVÓRCIO

Um dos casamentos mais celebrados na história motaviana chega ao seu fim.

Rolf Landale: "E aí, vai me matar ou não?"
Kain Ji An: "Grrrrrrrrrrrrrr..."

(no quarto de Elenita)

José Bernardo: "Quem te machucou desse jeito? Me fala que eu o destruirei agora."
Elenita Maria: "Nem pensar... ele vai te matar."
Dra. Amy Sage: "Por favor, amigo, nem pense nisso. Você vai morrer e ela vai ficar muito triste por te perder."
Bernardo: "Não me subestime."
Amy: "Fique calmo. Vamos mudar de assunto?"
Bernardo: "Não quer..."
Elenita: "Se você me ama... atenda o pedido de minha amiga."
Bernardo: "Tudo bem."

(perto dali)

Rolf: "........"
Kain: "........"
(Kain abaixa as armas e as devolve para Rolf)
Rolf: "?"
Kain: "Precisamos de você para destruir a sucata. Agradeça a ele por continuar vivo."
Rolf: "Kain..."
Kain: "Infelizmente estou muito atarefado, a gente se encontra lá na sala do Conner. Fui."
Rolf: "Vou falar com ela..."

(em Tonoe)

Gryz: "Que polêmica!"
Luana: "Não queria estar na pele da Nei."
Gryz: "Não se preocupe, nunca irei te trair."
Luana: "Meu amor..."
(se beijam)

(em Passeio)

Amy: "Qual seu nome?"
Bernardo: "Me chamo de José Bernardo, mas pode me chamar de Bernardo, ou, se preferir, de Zé."
Amy: "Zé, que legal."
Bernardo: "No momento faço faculdade de robótica no exterior, só vejo a Leninha nas minhas férias, mas a gente conversa todo dia no MSN."
(Elenita sorri)
Amy: "Vão casar quando?"
Bernardo: "Errrr... casar?"
Elenita: "Ele tá correndo de mim."
Bernardo: "Não... não é isso..."
Amy: "Hahahahahahaha. Tudo tem seu tempo, não precisa se desesperar, Leninha."
Elenita: "Não estou desesperada."
Amy: "Falando sério agora, já que você faz robótica, gostaria de tirar umas dúvidas."
Elenita: "Uma conhecida é expert nisso."
Bernardo: "Podem perguntar à vontade."

(em Mile)

Guilhotina: "Hahahahahahahahahaha!"
Cristina Faria: "Hihihihihihihihi!"
Salada Mista: "Huehuehuehue."

(em Passeio)

Rolf: "Nei... está bem?"
Nei: "........"
Rolf: "Fale alguma coisa. Vamos resolver nossas diferenças de uma vez por todas."
Nei: "Acabou."
Rolf: "Chegou a temida hora."
Nei: "Vou pedir o divórcio."

(no quarto de Elenita)

Amy: "Você é muito astuto, juntamos várias peças do nosso quebra-cabeça. Obrigada por tudo, na primeira oportunidade, irei avisar O'Conner."
Elenita: "Tenho orgulho do meu menino."
Bernardo: "Pelas informações que você me deram, parece que essa Teim tem culpa no cartório. Ela está ajudando o Policial Jiban."
Elenita: "Mas devemos tomar cuidado."
Amy: "Darum vai nos atrapalhar se souber."
Bernardo: "Entendo o temor de vocês, não sabemos as atualizações que ele instalou. Infelizmente sou impotente contra ele, não posso te vingar por enquanto, meu amor."
Elenita: "Liga não."

(no quarto de Nei)

Rolf: "Eu sei que não tenho perdão. Eu pensei que nosso filho iria ressuscitar a nosso amor, mas, estava errado."
Nei: "Por que não pediu logo a separação se não me amava mais."
Rolf: "Eu nunca deixei de gostar de você, mas... o que sinto pela Amy é algo fulminante, totalmente fora do meu controle."
Nei: "Você matou meu filho. Essa sua paixão matou ele. E quase me leva junto."
Rolf: "É uma ferida que nunca vai cicatrizar."
(Rolf abaixa a cabeça)
Nei: "Espero que você não faça com ela o que fez comigo."
Rolf: "Não precisa se preocupar."
Nei: "Algo mais a acrescentar? Sua presença aqui me incomoda."
Rolf: "Temo que nossa separação alimente falsas esperanças na Shelley. Ela tem uma mente imprevisível."
Nei: "Quem colhe planta. E sai daqui logo senão eu vou cuspir em você."
Rolf: "Com licença."

(no quarto de Elenita)

Amy: "Vai ficar aqui até quando."
Bernardo: "Até meu amor receber alta."
Amy: "Qualquer coisa, é só pedir, ok?"
Bernardo: "Já vai?"
Amy: "Sim, preciso contar as novidades para o Conner."
Elenita: "Não se preocupe, estarei bem aqui com o Zé."
Amy: "Beijinhos a todos os dois."
Bernardo: "Tchauzinho. Você é um amor!"

Nota:

Huehue é uma risada considerada característica dos internautas brasileiros.

quarta-feira, 5 de abril de 2017

80 - JOSÉ BERNARDO

Uma pessoa muito especial na vida de Elenita vai visitá-la.

Dr. Nicolau: "O bebê..."
Rolf Landale: "Não, não diga isso, Nicolau! Tudo menos isso!"
Nicolau: "Infelizmente, Nei abortou a criança!"
Rolf(gritando): "Aaaaaaaaaahhhhhhhh! Nãããããããooooooooo!"
(Rolf se sente culpado e começa a chorar copiosamente)
Nicolau: "Amy..."
Rolf: "O ferimento no meu peito não é nada comparado ao golpe que sofri agora. Buááááááááá!"

(na entrada da Sala do Grupo de Resistência)

Rudolf Steiner: "Estão se dispersando, finalmente."
Anna Zirski: "Vencemos."

(minutos depois, no Hospital de Amy)

Rolf: "Gostaria de cancelar tudo."
Nicolau: "Pode desabafar comigo, Rolf."
Rolf: "Ia fazer uma festa surpresa para minha esposa, já tinha encomendado uma parte do enxoval da criança, agora acabou tudo! Acabou! Acabou tudo!"
(Rolf se desespera e continua chorando)

(minutos depois, perto dali)

Nicolau: "Tudo bem com Jonas. Ele vai ficar em observação esta noite, mas amanhã já deve receber alta!"
Raquel: "Vivaaaaaaa!"
Chaz Ashley: "Que bom!"
Alys Brangwin: "O bem sempre vence no final."
Chaz: "Agora, Alys... você não achou nada estranho não?"
Alys: "O atraso do Nakata? Realmente é muito esquisito... algo não me cheira bem."
Chaz: "Falando nisso, tem notícias sobre a Teim?"
Nicolau: "Rimou, ah, ah, ah!"
(Nicolau toma um cascudo de Alys)
Alys: "Hmmmmmm..."
(um homem ruivo, de cabelos curtos, óculos e roupa verde entra no hospital e vai correndo para a recepção)
Nicolau: "Gente nova no pedaço."
Renata: "Quem é ele?"
Nicolau: "Não sei."
Alys: "........"

(não muito longe dali)

Kain: "Tome isso, isso, e mais isso!"
(Kain espanca Rolf)
Rolf: "Continue, eu errei, ninguém nunca vai me perdoar..."
Kain: "Grrrrrrrrrrrrrrrrr..."
(Rolf pega sua espada e pistola e as entrega nas mãos de Kain)
Rolf: "Me mate. Desconte sua raiva. Se vingue! Vamos!"
(Kain recebe as armas, pensa um pouco e olha fixamente para Rolf com as armas empunhadas)

(no quarto de Elenita)

Dra. Amy Sage: "Ei, tem alguém entrando. É um novo visitante."
Elenita Maria: "Que... felicidade!"
(os olhos de Elenita brilham de felicidade)

(não muito longe)

Kain: "Todo castigo para você é pouco."
(Kain, com o braço direito, encosta a espada no pescoço de Rolf, e com o esquerdo, coloca a pistola em direção à caixa craniana do herói)
Rolf: "........"
(Rolf fecha os olhos e aguarda sua execução)

(na sala do Grupo de Resistência)

Governador O'Conner: "Depois que a poeira baixar, vou anunciar maciçamente nossas benfeitorias, em especial o Hospital de Amy e o Centro de Ressocialização Landale, para melhorar a imagem de nossos heróis."
Rudo: "Acho que Throebs vai nos atrapalhar a divulgar essas propagandas."
Anna: "Concordo. Não será tão fácil assim virarmos o jogo.
Adena: "Meus pensamentos são mais positivos que os seus."
O'Conner: "Acho que você tem razão. Explique, Adena."
Adena: "No momento estamos longe de sermos as únicas ameaças ao Throebs, há ameaças iguais ou maiores dentro do território Motaviano."
Rudo: "Será?"
Adena: "Estou analisando o tempo todo os dados de Jaspion e Jiban."
Anna: "E ainda tem o Zio com seus interesses obscuros."

(em Monsen)

Teim: "Hmmm... acho que não vai dar tanto trabalho no final das contas."

(em Passeio)

Elenita: "Amor! Você veio!"
Amy: "Então ele é o dono do seu coração... parabéns, ele é um gatinho."
José Bernardo: "Desculpe a demora, mas não podia te deixar sozinha nessa ocasião."
Elenita: "Te amo!"
(se beijam)
Amy: "Beija mais! Mais! E mais!"
(continuam se beijando)

(não muito longe dali)

Alys: "Temos que ir."
Renata: "Obrigada pela companhia."
Chaz: "Desejo uma rápida recuperação ao Jonas."
Raquel: "Obrigada."
Alys, Chaz: "Tchauzinho!"
Raquel, Renata: "Até!"

(em outro lugar do Hospital)

Rolf: "E aí, vai me matar ou não?"
Kain: "Grrrrrrrrrrrrrr..."

sábado, 1 de abril de 2017

79 - PARTINDO ANTES DE CHEGAR

Notícia triste para Rolf e Nei.

Alys Brangwin: "Chaz! Po***! Ca*****! P*** q** p****! Já falei pra você deixar de ser lerdo! Jonas foi ferido e corre risco de vida por sua causa!"
Chaz Ashley: "Tá bom mas não se irrite!"
Alys: "Tinha que ser o Chaz"
Chaz: "Ninguém tem paciência comigo!"
Alys: "Só não te dou uma porque..."
Chaz: "Pipipipipipipipipipipipi..."

(em Passeio)

Nei(ofegante): "Acho que... chegou a minha hora..."

(em Aiedo)

Raquel: "Buáááááááááá... desculpa por eu ter duvidado de seus sentimentos! Eu te amo, Jonas! Por favor, acorde! Não morra! Buáááááááá..."
(Jonas está ferido e desmaiado)
Alys: "Não se preocupe, o colete protegeu os pontos vitais dele. Vamos levá-lo logo para o hospital!"
Renata: "Que bom que ele não morreu..."
Chaz: "Precisamos correr, Alys!"
Raquel: "Buááááááááááááá..."
Policial Nakata: "Olá, pessoal! Parece que aconteceu bastante coisa aqui hoje!"
Alys: "E você ainda chega rindo? Seu atraso quase custou uma vida!"
(Alys dá um cascudo em Nakata. Em seguida, Raquel, Renata e Chaz fazem o mesmo)

(em Passeio)

Elenita Maria: "Amy..."
Dra. Amy Sage: "Não se preocupe, Leninha, está tudo bem comigo, não aconteceu nada de grave. Só espero que esteja tudo bem com o Rolfinho."

(em Tóquio, Japão, em um local desolado)

Shir Gold: "Consegui! achei o que eu queria! Hoje mesmo volto para Motávia e levo para meus amigos!"

(em Passeio)

Rolf Landale: "Nei! O que aconteceu com você? Acorde, fale alguma coisa! Vamos para o hospital agora!"

(no Hospital)

Enfermeira: "Está chegando uma visita especial em breve, senhorita Elenita."
(Elenita sorri)
Amy: "Aêêêê..."
(Elenita fica vermelha)

(na Motávia TV)

Marcus Vinicius Mendes: "Rolf é um mau exemplo para os motavianos! O verdadeiro Rolf Landale é uma pessoa completamente diferente que as pessoas imaginavam!"
Lancelote Alves: "A foto está chegando!"
(a foto de Rolf aparece na tela)
Vinicius: "Dedo no Olho!"
Lancelote: "Excalibur!"

(no Hospital)

Dr.Nicolau: "Mais pacientes chegando... hoje teremos bastante trabalho."
Alys: "Chegamos!"
Raquel(chorando): "Por favor, salvem Jonas. Ele é tudo para mim!"
Nicolau: "Não se preocupe, tudo vai ficar bem."

(minutos depois)

Nicolau: "Mais uma."
Rolf: "Doutor, voltei antes do que eu esperava. Atenda minha esposa o mais rápido possível, por favor."
Nicolau: "Ok."

(em Zema)

Kya: "Um brinde à nossa vitória."
*tlem*
Wolf: "Hahahahahahahaha!"
Jay: "Bem que você disse, Wolf! Motávia é um lugar muito divertido!"

(no Aeroporto de Passeio)

?(furioso): "Preciso rever logo a minha Leninha! Quem fez aquilo com ela vai me pagar caro!"

(em Passeio)

Kain Ji An: "Desculpem, amigos, mas precisamos fazer uma pausa no projeto! Rolf não pode sair ileso dessa!"
Hugh Thompson: "Kain, por favor não é hora para picuinhas pessoais!"
*soc*
(Kain dá um soco na cara de Hugh e sai correndo)
Vovô dos Clones: "Deixe ele ir, Hugh! Ainda nem paramos para almoçar, vamos aproveitar e fazer uma pausa."
Hugh: "Você tem razão. E, sinceramente, ele não conseguiria se concentrar estando do jeito que está, totalmente dominado pela ira."
Vovô: "Vai lavar sua boca, está cheia de sangue."
Hugh: "Fui."

(em Passeio)

Nicolau: "Rolf Landale!"
Rolf: "Aqui!"
Nicolau: "Nei está bem, apenas inspirando alguns cuidados, mas está bem!"
Rolf: "Ueba!"
Nicolau: "Mas..."
Rolf: "Mas o quê, doutor? Quer me matar de susto?"
Nicolau: "O bebê..."
Rolf: "Não, não diga isso, Nicolau! Tudo menos isso!"
Nicolau: "Infelizmente, Nei abortou a criança!"
Rolf(gritando): "Aaaaaaaaaahhhhhhhh! Nãããããããooooooooo!"
(Rolf se sente culpado e começa a chorar copiosamente)
Nicolau: "Amy..."

sábado, 25 de março de 2017

78 - TINHA QUE SER O CHAZ

Chaz Ashley, mais uma vez, deixa a desejar em uma batalha em Aiedo.

Rolf: "Preciso chegar logo em casa! Preciso ter uma conversa séria com a Nei! Ela nunca vai me perdoar!"
(pedras são arremessadas contra Rolf)
Rolf: "Droga! Se continuar assim não consigo chegar vivo em casa!"
Mulher: "Cafajeste!"
Rolf: "Ai!"

(em Passeio)

Dra. Amy Sage: "Ahhhhh! Socorro! Rolf!"
(Amy se esconde dentro do hospital, a multidão tenta invadir e há uma briga generalizada entre os seguranças do hospital e os populares)

(na base do Grupo de Resistência)

Rudo: "Droga! Estão tentando depredar tudo aqui!"
Anna: "E não podemos ajudar Rolf e Amy! Aonde eles devem estar?"

(em Aiedo, no Hipermercado Baratin)

Jonas: "Que bagunça é essa? Estão se aproveitando da confusão em várias partes do país para saquearem tudo aqui!"
Renata: "Cadê o Nakata?"
Jonas: "Ele está atrasado!"
?: "Socorro!"
Jonas: "Raquel!"
Raquel: "Socorro! Alguém me ajuda!"
(Raquel é capturada e feita refém por um bandido)
Bandido: "Não se mexa, segurança! Senão eu atiro!"
Jonas: "O que eu faço?"

(em Oputa)

Rolf: "Droga! Estou cercado!"
(vários populares com paus e pedras cercam Rolf próximo à Pedreira de Oputa)
Populares: "Ahhhhhhhhhhhhhh!"
(os populares são metralhados sem dó nem piedade)
Rolf(revoltado): "Você aqui? Ninguém te chamou!"

(em Passeio)

Rudo: "Não para de chegar gente!"
Anna: "Desse jeito não podemos sair daqui e ajudar Rolf e Amy!"

(na entrada do Hospital)

?: "Levantem os braços! Estão todos presos!"
Dr. Nicolau: "Acabou!"
(Amy volta à entrada)
Amy: "Estamos salvos!"
(um a um, todos os arruaceiros são levados para a delegacia)
Simona Valiante: "Vê se não apronta, hein, menina? Rolf sempre foi considerado um herói, e você destruiu a reputação dele."
Amy(vermelha, de cabeça baixa): "........"
Nicolau: "È tudo por um bem maior, senhorita Simona."
Simona: "As mulheres daqui são doidinhas para ficarem com o Rolf. Não se conformaram em ver ele dando preferência a uma adúltera."
Amy: "Dra. Simona, você não tem o direito de se me..."
Simona: "Cala a boca ou você vai presa por desacato!"
Nicolau: "Ei, volte aqui."
Amy: "Buááááááá..."
(Simona se retira)

(em Oputa)

Rolf: "Quem te chamou aqui?"
Policial de Aço Jiban: "Agradeça por eu ter salvado a sua pele!"
Rolf(furioso): "Se não fosse meu compromisso, acaba com sua raça agora mesmo!"
Jiban: "Agora falamos a mesma língua. Ainda não é hora da nossa batalha. Passar bem."
(Jiban embarca na nave Spyras e vai embora)
Rolf: "Pelo menos ele percebeu que eu estava com pressa e não me fez perder tempo com aquelas cláusulas ridículas... hora de ver a Nei!"

(em Passeio)

Nei: "Aaaaaaahhhhhh! Aaaaaaaaahhhhh! Dói muito! Socorro!"

(em Zema)

Kya Jura K-Eh Bishon: "Hahahahahahahah! Parabéns! Seu cartão de visitas foi melhor que a encomenda!"
Jay Nights: "Muito obrigado, Senhor Kya!"
Wolf Lion: "O heroizinho agora está com sua reputação arranhada para sempre!"
Kya, Jay, Wolf: "Ahahahahahahahaha!"

(em Aiedo)

Bandido 1: "Já falei! Se alguém se mexer a garota toma tiro na bucha!"
Jonas: "Amor!"
Raquel: "Buááááááá..."
Bandido 1: "Não chora, mulher!"
(o bandido dá uma coronhada em Raquel)
Jonas: "Covarde!"
*tlem*
(o Bandido 1 é atingido na mão por pelo bumerangue de Alys e deixa sua arma cair)
Jonas: "Raqueeel!"
Bandido 2: "Ele avisou! Morra!"
Raquel: "Aaaaaaaaaaaaahhhhhhhh!"
(o Bandido 2 atira várias vezes na direção de Raquel, porém Jonas consegue protegê-la a tempo e recebe todos os tiros)
Chaz Ashley: "Corte Cruz!"
(o Bandido 2 é atingido por Chaz)
Alys Brangwin: "Chaz! Po***! Ca*****! P*** q** p****! Já falei pra você deixar de ser lerdo! Jonas foi ferido e corre risco de vida por sua causa!"
Chaz: "Tá bom mas não se irrite!"
Alys: "Tinha que ser o Chaz"
Chaz: "Ninguém tem paciência comigo!"
Alys: "Só não te dou uma porque..."
Chaz: "Pipipipipipipipipipipipi..."

Notas:

1- A reação de impotência dos heróis contra grandes grupos de populares é uma referência ao encerramento do verdadeiro Phantasy Star, onde supostamente os heróis morrem na batalha final contra a Horda dos Terráqueos.
2- Os bordões utilizados no final do episódio dispensam apresentações.

domingo, 19 de março de 2017

A Garota Italiana - Resenha



Bem, enfim, durante o mês de fevereiro li todo o livro "A Garota Italiana", de Lucinda Riley, livro que eu comprei em julho do ano passado na Saraiva da Rua do Ouvidor(Centro do Rio) e que marca o início da minha nova fase no mundo da literatura.
Inicialmente planejava lê-lo nas semanas que antecederam as Olimpíadas, mas por motivos diversos, isso acabou não acontecendo. E no final das contas, acabou sendo uma mudança de trajeto positiva, pois devido a (outros) fatores diversos tive um nível de imersão muito maior na leitura da obra do que se tivesse lido no meio da adrenalina da Rio 2016.
O livro conta a história de Rosanna Menici, desde sua infância pobre em Nápoles com sua família, passando por sua carreira de sucesso como cantora de ópera nos palcos pelo mundo e culminando com suas desventuras na vida pessoal ocasionadas por sua paixão obsessiva e fulminante pelo seu marido e grande amor de sua vida, o superstar da ópera e mulherengo Roberto Rossini.
Tudo recheado com aventura, drama, romance e muita, mas muita emoção que prende o leitor do início ao fim do livro. É um livro que cativa principalmente por seus personagens verossímeis, já que todos eles tem defeitos, e a chance de identificação com algum dos personagens é boa. Como li em uma resenha por aí, é um "conto de fadas da vida real". Se o livro acabasse no ponto onde ele chega à sua metade, tudo teria sido lindo e maravilhoso, mas... como todo casal da vida real, a vida continua, aliás, uma nova vida começa depois do casamento.
Eu li a segunda metade do livro toda em um dia, na terça-feira "gorda" de Carnaval, tamanha era a minha ansiedade para devorar logo a obra(somado a eu não gostar de Carnaval, claro). Para mim é questão de tempo que ele vire série ou filme, sem dúvida uma leitura inesquecível com. Nota 9(só não leva 10 porque algumas partes dele são previsíveis demais).
É, acho que me empolguei um pouco, mas tudo bem. É como falam: "O primeiro a gente nunca esquece".

(Ilustrações de Marcos Pereira dos Santos)

sábado, 18 de março de 2017

77 - ADULTÉRIO FATAL

O caso extra-conjugal de Rolf traz consequências desastrosas.

Enfermeira: "É da CKB? Gostaria de falar com Wolf Lion, o fuxiqueiro."
Wolf Lion: "É ele."
Enfermeira: "Tenho uma bomba para te mostrar. Abra seu e-mail imediatamente."
Wolf: "É pra já!"

(minutos depois)

Wolf: "Hahahahahahahahahaha! Gostou, Jay?"
Jay Nights: "Vamos comemorar!"
Wolf: "Vamos chapar?"
Jay: "Sim! Que tal irmos naquele botequim perto do Baratin? "
Wolf: "Já vou me arrumar agorinha!"
Wolf, Jay: "Ahahahahahahahahahaha!"

(em Oputa, na casa de Amy)

Rolf Landale: "Ai, que cansaço. Vou dar comida pros bichanos, tomar um banho e dormir. Estou desabando aqui."
Kimi: "Miaaaauuuu!"
Ski: "Au, au, au!"

(em Aiedo)

Wolf: "Eu quero uma Skol!"
Jay: "Eu quero uma Antarctica!"
Garçom: "Sim, senhores!"

(não muito longe dali, no mesmo bar)

*glub, glub*
Shelley: "Hein... tem um maricas ao lado do Wolf Lion. Quem é ele? O que ele está tramando? Preciso avisar ao meu amor!"

(em Passeio)

Dra. Amy Sage(feliz): "Estou a cada dia mais apaixonada! Não consigo controlar meus sentimentos!"
Elenita Maria: "Vão... casar?"
Amy: "Preciso esperar um pouco. A atual dele está grávida, nem pensar em juntar minhas trouxinhas com ele enquanto isso. Mas depois..."
Elenita: "Mas depois..."
Amy: "Ele me prometeu: depois que ela tiver o filho e estiver recuperada, ele vai pedir o divórcio, e enfim seremos felizes para sempre!"
Elenita: "Você merece... amiga..."
Amy: "Meu futuro será o máximo!"
(Amy dá um abraço em Elenita)

(em Oputa)

Rolf: "Zzzzzzzzzzzzzzz..."

(em Aiedo)

Shelley: "Droga! O celular dele não atende! Vou deixar um SMS, é o jeito."

(não muito longe dali)

Wolf: "Amanhã vamos fazer Motávia tremer!"
Jay: "É assim que se fala, parceiro!"

(no Japão)

Shir Gold: "Amanhã sem falta pego o que quero! Preciso voltar para Motávia ainda esta semana!"

(no dia seguinte)

Rolf: "Uaaaaaaaaaahhhhh..."
(Rolf vê a nova mensagem em seu celular e a abre)
Rolf: "Amigo do Wolf Lion? Ih, sujou..."

(na rua)

Rolf: "Por que todos estão me encarando? O que aconteceu?"
*paf*
(uma transeunte atinge Rolf com o jornal que acabara de comprar)
Mulher: "Galinha!"
Rolf: "Eu... o quê? Não acredito!"
(Rolf pega o Jornal e vê na capa de "A Gazeta de Motávia")
Rolf: "O quê? Uma foto minha saindo do banheiro com a Amy? Não acredito... estava sendo espiado!"

(em Passeio)

Nei: "Aaaaaaaaaaaaahhhhhhh... estou passando muito mal! Socorro!"

(no Hospital)

Dr. Nicolau: "Estão tacando pedras no hospital."
Amy: "Wolf Lion... por que você quer ser feliz trazendo a infelicidade aos seus semelhantes... buááááááá... ai!"
(Amy é atingida por uma pedrada)
Amy: "Não... o que eu faço?"

(no quarto de Elenita)

Elenita Maria: "Não... estávamos sendo espiados... por que a Amy nunca consegue ser feliz? Por quê?"
Enfermeira: "Bom dia!"
Elenita: "É você que vai assumir hoje?"
Enfermeira: "A colega que estava no dia anterior com você pediu demissão. De repente, sem avisar ninguém."
Elenita: "Buáááááááá..."

(em Oputa)

Rolf: "Preciso chegar logo em casa! Preciso ter uma conversa séria com a Nei! Ela nunca vai me perdoar!"
(pedras são arremessadas contra Rolf)
Rolf: "Droga! Se continuar assim não consigo chegar vivo em casa!"
Mulher: "Cafajeste!"
Rolf: "Ai!"

Nota:

Adultério Fatal é o título que o fanfic receberia originalmente, inclusive foi publicado incialmente com esse nome em um fórum.

domingo, 12 de março de 2017

2 Livros Adquiridos na Semana da Mulher

Semana da mulher, Saraiva tão lotada que parecia o Guanabara por causa da promoção para elas(50% de desconto em qualquer livro comprado por mulheres no dia 8)... e realizei duas novas aquisições essa semana:

1- "Louco por Você", de Jasinda Wilder
2- "Um Instante de Felicidade", de Federico Moccia

E enquanto isso eu continuo lendo "A Última Carta de Amor", de Jojo Moyes, que admito que está demorando a engrenar um pouco. Li até o momento até o capítulo 4.

76 - RECONCILIAÇÃO

O Casal 20 de Motávia se reconcilia da melhor maneira possível.

(Amy e Rolf começam a se olhar, segundos depois, Amy faz cara feia e vira o rosto)
Rolf Landale: "Oi, Leninha, tudo bem?"
Elenita Maria: "Tudo..."
Dra. Amy Sage: "Com licenç...
(Amy esboça sair do quarto, mas desiste ao ver a Enfermeira de Elenita entrando no quarto)
Enfermeira: "Boa tarde!"
Amy, Rolf, Elenita: "Boa tarde!"
Amy: "Com licença, vou respirar um pouco lá fora!"
Rolf: "Eu também vou."

(no corredor do hospital)

Amy: "Me solta."
Rolf: "Olha, se quiser eu fico com ela aqui... fui expulso de casa, não tenho compromissos com a Nei hoje."
Amy: "Bem feito, garanhão!"
Rolf: "Amy, eu já te disse para você ter paciência..."
Amy(bufando): "Olha, se não fosse pela Leninha, eu já tinha largado tudo aqui. Não quero te ver nem pintado!"
Rolf: "Amy... acredite em mim!"
Amy(chorando): "Você é o que há de mais importante para mim! Quero ser feliz com você! Só eu você."
(Amy se rende a Rolf, se joga nos braços dele e se beijam)
Enfermeira(saindo do quarto): "Boa tarde!"
(Amy e Rolf ficam vermelhos por serem flagrados em seu beijo caloroso)

(no Japão)

Shir Gold: "Pronto, agora é só pegar o que quero, e vou embora logo pois a galera deve estar precisando."

(em Passeio)

Amy: "Voltamos, Leninha!"
Rolf: "Estamos na área!"
Elenita: "Que bom... parece que ficaram de bem..."
Rolf: "Está pensando o mesmo que eu?"
Amy(cara de sacana): "Vou deixar você imaginando."
Rolf: "Leninha, com licença."
Amy(vermelha): "Espero não lhe causar transtornos."
(Elenita sorri e observa Rolf levando Amy para o banheiro. Ambos se trancam lá dentro)
Elenita: "Anthony... está dormindo... sorte deles..."
(Elenita se ajeita para tirar um cochilo)

(em Kadary)

Fiéis: "Zio, o Iluminado!"
Monges Mascarados: "Zio, o Iluminado!"
Juza: "Uma salva de palmas para nosso Senhor!"
*clap, clap, clap*
Zio: "Hahahahahahahahahaha..."

(em Passeio)

Amy(nua): "Me beija mais! Me beija mais!"
Rolf(tirando a roupa): "É hora do show, princessa!"
(Elenita acorda com o barulho vindo do banheiro)
Elenita: "Uau..."

(à noite)

Enfermeira: "Acabou o horário de visitas, senhorita Elenita."
(Rolf e Amy saem do banheiro exaustos e morrendo de vergonha)
Enfermeira: "Parecem cansados... trabalharam muito hoje?"
Amy: "Eu tenho um filho pequeno... sabe como é, né, uma luta diária. Mas uma luta feliz!"
Rolf: "E eu estou investigando assassinatos em Motávia, não consigo nem tirar folgas, consegui dar uma escapadinha hoje não sei como!"
Enfermeira: "Só a senhorita Amy pode ficar aqui como acompanhante. Peço que se retire, senhor Rolf."
Rolf: "Já estou indo, desculpe."
Amy: "Um segundinho, senhorita, preciso entregar uma coisa ao Rolf."
Enfermeira: "OK, não demorem."
Amy: "Rolf, por favor, leve a chave de casa. Preciso que você me faça um favor."
Rolf: "Ao seu dispor, princesa."
Amy: "As rações do Kimi e do Ski estão acabando. Preciso que você estoque ração para eles e os alimente para mim. Desculpe o incômodo."
Rolf: "Você sabe que nunca me incomoda, Amy."
Enfermeira: "Senhores..."
Amy: "Tome o dinheiro da ração!"
Rolf: "Não precisa, eu pago."
Amy: "Rolf, não precisa exagerar na gentileza."
Rolf: "Eu vou dormir na sua casa hoje, então. Então a ração segue como pagamento."
Amy: "Não precisa..."
Rolf: "Precisa sim... ei, que mal-educada!"
(a enfermeira pega Rolf, seus objetos, o empurra para fora do quarto e bate a porta na sua cara)
Amy: "Senhorita, não precisava. Se eu estivesse em um dia ruim, você estaria demitida."
Enfermeira: "Desculpe, mas todos os pacientes devem ser tratados de forma igual aqui, mesmo sendo sua amiga."
Amy: "Eu sei... por isso mesmo te perdôo, mas não precisava exagerar, ele é a pessoa que mais gosto no mundo!"
Enfermeira: "Com licença."

(na sala de Throebs)

Presidente Throebs: "Obrigado por me manter a par de tudo."
Matias: "Isso é tudo, senhor."
Ana Melissa: "Espero que o senhor não fique bravo com a gente."
Throebs: "Não, o que é isso? Vocês são meus xodós!"
(Throebs dá um falso sorriso)
Matias: "Muito obrigado."
Melissa: "Obrigado por tudo, Senhor Presidente!"

(em Zema)

Wolf Lion: "Ei, estão me ligando."
Enfermeira: "É da CKB? Gostaria de falar com Wolf Lion, o fuxiqueiro."
Wolf: "É ele."
Enfermeira: "Tenho uma bomba para te mostrar. Abra seu e-mail imediatamente."
Wolf: "É pra já!"

sábado, 4 de março de 2017

75 - JAY NIGHTS

O amigo de Wolf Lion chegou.

Matias: "Vai dar tudo certo para você e para nós, grande amigo!"
Rolf Landale: "Obrigado. Agora deixe-me ir, tenho trabalho e já estou atrasado."
Matias: "Também estamos indo. Um abraço."
Rolf: "Tchau."
Ana Melissa: "Beijos."
(Melissa manda um beijo para Rolf e seu irmão demonstra ciúmes)

(minutos depois)

Rolf: "Cheguei."
Governador O'Conner: "Que mala entupida é essa?"
Rolf: "Problemas particulares."
Rudolf Steiner: "O que aprontou, hein, malandrinho?"
Rolf: "Problemas pessoais."
Anna: "Sei."
Rolf: "Deixa isso pra lá, pessoal, temos assuntos bem mais sérios para resolver."
Adena: "Como quiser."
Conner: "Bem, Kain, Hugh e o Vovô dos Clones já começaram."
Rolf: "E o que eles estão fazendo, afinal?"
Adena: "Desculpe, nem você pode saber."
Rolf: "Espero que esse projeto realmente nos ajude."
Rudo: "Também estou curioso."
Anna: "Vamos fazer algo mais importante agora."
(Anna se aproxima de Rudo e ambos trocam um beijo apaixonado)

(em Zema)

Kya Jura K-Eh Bishon: "Chegou!"
Wolf Lion: "Finalmente, grande amigo! Que saudades!
Jay Nights: "Demorei mas cheguei. Vamos a-ras-sar em Motávia, amigo!"
Kya: "Posso fazer uma pergunta?"
Wolf: "Claro, chefinho!"
Kya: "Vocês são só amigos mesmo?
Wolf, Jay: "Claro!"
Kya: "Sei... hahahahahahahahah!"
Wolf, Jay: "........"

(em Passeio)

Dra. Amy Sage: "Cheguei, amigona!"
(Elenita abre um largo sorriso)
Anthony: "He... he... he..."

(em Aiedo)

Jonas: "Carro-forte na área."
Policial Nakata: "........"

(em Passeio)

Conner: "Já vai, Rolf?"
Rolf: "Sim, acho que vou fazer uma visita à Elenita."
Rudo: "Vai sim, ela vai gostar."
Anna: "Se a gente tiver tempo, iremos mais tarde."
Rolf: Tchau."

(em Zema)

Wolf: "Pronto, agora você já sabe tudo sobre as pessoas mais influentes de Motávia."
Jay: "Uahahahahahahahahahahaha! Obrigado, Wolf. Muita diversão à vista, huhuhuhuhu."
Wolf: "Minhas pulginhas vão aí comemorar com você."
Jay: "E, assim não! Ai, ai, que coceira."
Wolf: "Uahahahahahahaha."
Kya: "Bwahahahahaha."
Jay: "Huhuhuhuhuhuhu."

(em Passeio)

Amy: "Que horror..."
Elenita Maria: "Eu quase... morri..."
Amy: "Isso não pode ficar assim! Com certeza Rolf irá destruí-lo."
Elenita: "O bem... sempre vence..."
Amy: "E Matias e Melissa? Cadê eles..."
Elenita: "Por favor... pare..."
Amy: "Hein?"
Elenita(cara de reprovação): "Não... gosto... deles..."
Amy(triste): "Por quê?"
Elenita: "Não... insista..."
Amy: "*snif* Não queria que fosse assim... *snif*"
(Amy cai no choro)

(em Zema)

Jay: "Então o nosso principal alvo se chama Rolf Landale."
Wolf: "Ele mesmo, o Herói de Motávia."
Jay: "Vai sofrer nas nossas mãos!"
(se abraçam e começam a gargalhar)

(em Passeio)

Elenita: "Quero ver... você... feliz..."
Amy: "Eu estou desesperada porque eu o amo..."
Anthony: "Zzzzzzzzzzzz..."
(a porta se abre)
Rolf: "Oi, pessoal... Amy?"
(Amy e Rolf começam a se olhar, segundos depois, Amy faz cara feia e vira o rosto)
Rolf: "Oi, Leninha, tudo bem?"
Elenita: "Tudo..."
Amy: "Com licenç...
(Amy esboça sair do quarto, mas desiste ao ver a Enfermeira de Elenita entrando no quarto)

terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

74 - CASOS DE FAMÍLIA

Dia de muitos barracos em Passeio.

(em Passeio)

Dra. Amy Sage: "Bom dia, a-mor da mi-nha vi-da!"
Rolf Landale: "Que bicho mordeu você?"
Amy: "Me deixou sozinha aqui o dia todo aqui ontem, desse jeito eu vou te mandar para a..."
Rolf: "Amy, olhe como você fala comigo! O que está acontecendo?"
Amy: "Você me abandonou! Desligou até seu telefone para eu não conseguir falar. Você não vale nada!"
Rolf: "Amy, me deixe falar!"
Amy: "Buáááááááááá..."
Rolf: "Amy, não chore! Deixa de agir como menininha mimada e me dá uma chance!"
Amy(voz embargada): "Você não me ama! Buááááááá..."
Rolf: "Eu prometo, princesa! Eu preciso de tempo! Só um pouco de tempo para colocar as coisas em ordem e ser feliz do seu lado!"
Amy: "Mentira! Você é mentiroso!"
Rolf: "Amy, eu já estou fazendo demais aqui por você. Você não é minha esposa, eu em tese não devo satisfação nenhuma a você. Só estou te explicando porque te considero muito. Você é unica para mim!"
Amy: "Não me considera não. Por que não vem me ver então. Buááááááááá..."
Rolf: "Amy... vai dar tudo certo só mais um pouco!"
*blam*

(no Hospital da Dra. Amy)

Matias: "Finalmente, que saudade! Finalmente vamos falar com você."
Ana Melissa: "Bom dia, querida irmã. Finalmente nos reencontramos."
Elenita Maria(voz cansada): "Matias... Melissa..."
Matias: "Peraí que nós vamos te dar um abraço."
Melissa: "Estou indo também."
Elenita: "Por favor... peço que... se retirem..."

(em Aiedo)

Nakata: "Aham..."
Jonas: "Agora é só aguardar o grande dia."
Nakata: "Espero que nada ocorra até lá."
Jonas: "Eu também não."

(em Passeio)

Nei: "Você está falando com quem, Rolf?"
Rolf: "Estou falando com Conner sobre assuntos profissionais."
Nei: "Mentira! Eu escutei você falando 'Amy'. Como você pôde me desrespeitar desse jeito. Idiota! Buááááááááá..."
Rolf: "Ela está nos ajudando."
Nei: "Vai embora! Escutou? Vai embora de casa agora! Arruma suas coisas senão eu jogo tudo na calçada!"
Rolf: "Nei... pare com isso."
Nei: "Cala a boca! Corte Duplo!"
(Nei equipa suas garras laser e faz quatro cortes no peito de Rolf, dois com a garra direita e dois com a esquerda)
Rolf: "Argh! Por que fez isso?"
Nei: "Vai lá se tratar com sua queridinha! Você não quer ver ela? Só estou te facilitando para você ir se tratar mais rápido!"
Rolf: "Quanta dor... Nei, você é louca, eu... eu ainda sou o pai de seu filho!"
Nei: "Cala a boca e vaza logo! Não consigo nem olhar mais para a sua cara! Rua!"
Rolf: "Nei, para, uahhhhhhhh..."
(Nei começa a arremessar os pertences de Rolf em cima dele)

(no Hospital)

Matias: "O que foi, Ana Elisa? Por que está nos rejeitando?"
Melissa: "Demoramos tanto tempo para nos reencontrarmos... por quê?"
Elenita: "Vocês... venderam a alma para o diabo... não me chamem desse nome... ela morreu."
Matias: "Não, por favor, não vamos discutir sobre isso agora, nosso reencontro é mais importante."
Melissa: "Querida irmã..."
Elenita: "Não sou... sou irmã... vocês deixaram de existir... naquele dia..."
Matias: "Por favor, nos escute."
Melissa: "É tudo para um bem maior."
Elenita: "Por favor... saiam... senão eu peço para chamarem... a polícia..."
Melissa: "Ana Elisa...
Matias: "Não faça isso com a gente..."
Elenita: "Não voltem... nunca mais... aqui... por favor"
Matias: "Droga! Droga! Droga! Droga!"
Melissa: "Buááááááá..."
Elenita: "Sumam..."
(Matias e Melissa se retiram do quarto com lágrimas nos olhos)

(na casa de Rolf)

*blam*
Rolf: "E agora... briguei com as duas.,. o que eu faço? Para onde vou?"

(minutos depois)

Rolf: "Matias! Melissa!"
Matias, Melissa: "Rolf!"
Rolf: "O que aconteceu? Por que essa cara de choro?"
Melissa: "E você? Parece que brigou com sua gata..."
Rolf: "Não foi nada, depois passa."
Matias: "Vamos colocar o papo em dia."
Rolf: "Não quero falar nada."
Melissa: "Se não quer falar sobre você tudo bem. Mas nós precisamos falar sobre o que aconteceu no hospital. Por favor, nos escute."
Rolf: "Tudo bem. Se vocês vão se sentir mais confortáveis assim, terei prazer em escutá-los."

(minutos depois)

Rolf: "O quê? Elenita não gosta de vocês?"
Matias: "È isso mesmo."
Melissa: "É uma longa história. Quando chegar a hora você vai saber os detalhes."
Rolf: "Tudo vai acabar bem, é só um mal-entendido."
Melissa: "Espero que esteja certo."
Matias: "Vai dar tudo certo para você e para nós, grande amigo!"
Rolf: "Obrigado. Agora deixe-me ir, tenho trabalho e já estou atrasado."
Matias: "Também estamos indo. Um abraço."
Rolf: "Tchau."
Melissa: "Beijos."
(Melissa manda um beijo para Rolf e seu irmão demonstra ciúmes)

Nota:

O nome do episódio é referência a um polêmico programa da TV brasileira, o Casos de Família do SBT.

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

A Garota Italiana - Retorno aos Livros

Voltei ao mundo da literatura, finalmente estou lendo o romance "A Garota Italiana"(escrito por Lucinda Riley), livro que comprei em julho do ano passado, na Saraiva Mega Store. Aguardem a resenha em breve. Por ora, fiquem com sua sinopse fornecida pelo Google Books:

"Uma inesquecível história de amor, traição, paixão, obsessão e música. Aos onze anos de idade, Rosanna Menici conhece o cantor Roberto Rossini, uma estrela em ascensão no mundo da ópera italiana - e o homem que mudaria sua vida para sempre. Incentivada - e apaixonada - por ele, Rosanna passa a se dedicar ao estudo do canto lírico, torna-se cantora profissional, e logo os dois se encontram nas salas de concerto mais famosas do mundo, dividindo não só o palco como também o mesmo destino. Com seu talento incomum para descrever ambientes e evocar sensações e sentimentos universais, Lucinda Riley nos leva a acompanhar a trajetória de Rosanna, desde os bairros pobres de Nápoles até os teatros mais glamourosos do planeta, trazendo à tona, com sua prosa inconfundível, as alegrias, tristezas, frustrações, decepções e redenções do amor."

Fanart das Três Evas

Desenho de Marcos Pereira dos Santos da Banda "Três Evas" publicado em primeira mão no Facebook no Natal do ano passado, agora finalmente nos blogs da Rede Synbios:

sábado, 25 de fevereiro de 2017

73 - ANIVERSÁRIOS À VISTA

Não é só o Hipermercado Baratin que está com seu aniversário se aproximando.



Teim: "Já te contaram que aqui em Motávia nos temos um grande evento do varejo no ano Aniversário Baratin?"
Naoto Tamura: "Aniversário Baratin?"
Teim(sorrindo): "Isso mesmo. Motávia inteira vai para Aiedo."
Naoto: "Interessante... pode ser útil..."
Teim: "Sabia que gostar... olho vivo que já deve estar chegando, hein, titio!"
Naoto: "Não sabe a data?"
Teim: "Infelizmente não."
Naoto: "Talvez divulguem alguma coisa para mim quando eu voltar para lá."
Teim: "Se prepara, hein? Vai trabalhar como nunca."
Naoto: "Bah, deve ser fichinha."
Teim: "Vou comprar algumas coisas no bairro. Até daqui a pouco."
Naoto: "Tchau."

(em Passeio)

Rolf Landale: "Te amo."
Nei: "Minha paixão."
(se beijam)
Nei: "Amor..."
Rolf: "Fala, querida!"
Nei: "Você sabe o dia que tem semana que vem, né?"
Rolf: "Claro que sei."
Nei: "Vai me dar o quê?"
Rolf: "Você é esperta, vai saber antes de eu comprar."
Nei: "Mais uma primavera."
Rolf: "E mês que vem..."
Nei: "Eu sei, amor. É sua vez."
(se beijam)

(em Aiedo)

Alys Brangwin(olhos brilhando): "Eu tenho certeza que é dia 20 de outubro!"
Nei: "Sério?"
Chaz Ashley: "Se suas contas estiverem certo, Motávia vai parar neste dia!"
Alys(olhos brilhando): "Ai ai ai... o dia mais esperado do ano para mim."
Chaz: "O tão esperado Aniversário Baratin."
(Alys começa a cantar)
Rika: "Não acredito que..."
Chaz: "Não, você não vai fazer isso."
Julius: "Eu brincar o dia todo com você lá, mamãe!"
(Alys começa a dançar e cantar)
Alys: "Aniversário Baratin, ninguém fica parado, tem novidades todo dia e promoção pra todo lado!"
Chaz: "Não."
Alys: "E quem chiar vai tomar navalhada!"
(Alys arremessa seu bumerangue para assustar sua família)"
Nei: "Tem grávida aqui, sua louca."
Julius: "Mamãe!"
Alys: "Calma, estava só brincando."
Chaz: "Brincadeira que poderia ter nos machucado."
Rika: "Ai, estou passando mal..."
Chaz: "Olha o que você fez!"
Alys: "Desculpe, me empolguei demais como sempre, quando chega essa época do ano."
Julius: "Olha o que ela fez! Olha o que ela fez!"
Alys: "Se falar mais uma vez essa frase vai tomar palmada no bumbum."
Chaz: "Aaaaaaaaiiiii..."
(Alys dá um beliscão em Chaz)
Chaz: "Por que fez isso? Eu estava quieto."
Alys(sorriso malvado): "Para manter a rotina."
Rika: "Chaz..."
Chaz: "Desculpe, já estou indo."
Alys: "Nós é que somos um bando de loucos."
(Alys volta a cantarolar)
Alys: "Aniversário Baratin..."
Julius: "... ninguém fica parado..."

(em Passeio, no dia seguinte)

Matias: "Caramba, quando será que vão liberar as visitas?"
Ana Melissa: "Estou ansiosa também."
Dr. Nicolau: "Senhor Matias!"
Matias: "Sim, senhor!"
Dr. Nicolau: "Elenita já está em condições de receber visitas a partir desta tarde. Estamos encaminhando-a para um quarto em instantes."
Melissa(sorrindo): "Viva!"
(Matias e Melissa se abraçam e trocam beijos na bochecha; Dr. Nicolau abre um um largo sorriso)

(em Aiedo)

Jonas: "Que bom que você veio. Estávamos preocupados. O que aconteceu com você ontem?"
Policial Nakata: "E estava com dor no joelho e não conseguiria ficar em pé aqui o dia todo, não se preocupe, estou melhor hoje."
Jonas: "Ótimo."
Nakata: "Fico feliz por se preocupar comigo."
Jonas: "Não há de quê. Falando nisso, você já ouviu falar no nosso maior evento, o Aniversário Baratin?"
Nakata: "Bem por alto. Por quê?"
Jonas: "Ele está chegando. Prepare-se que teremos muitas confusões aqui."
Nakata(sorriso): "Não se preocupe, pode deixar comigo que ninguém vai nos causar problemas aqui."
Jonas: "Que sorriso malvado é esse?"
Nakata: "Hã?"
Jonas: "Você assim me assusta!"
Nakata: "Se incomoda de deixarmos isso para lá?"
Jonas: "Tudo bem, se você quer assim, deixa quieto. Vamos colocar nosso papo em dia?"
Nakata: "Já não era sem tempo!"

(em Passeio)

*triiiimmmm*
Rolf: "Alô. Amy?"
Dra. Amy Sage: "Bom dia, a-mor da mi-nha vi-da!"
Rolf: "Que bicho mordeu você?"
Amy: "Me deixou sozinha aqui o dia todo aqui ontem, desse jeito eu vou te mandar para a..."
Rolf: "Amy, olhe como você fala comigo! O que está acontecendo?"

Notas:

1- "Olha o que ele fez" é referência ao Nhonho do Chaves.
2- "Bando de loucos" é referência ao Corinthians.
3- "Aniversário Baratin" é referência ao Aniversário Guanabara.

sábado, 18 de fevereiro de 2017

72 - O PROJETO SECRETO

Entra em ação o misterioso projeto projetado pelos Heróis da Resistência.

Rolf Landale: "Juntinhos e sozinhos novamente, amor..."
Nei: "Estou pronta."
(Nei tira sua roupa)
Rolf: "Assim você me mata! Ai se eu te pego!"
(Rolf tira sua roupa)

(em Oputa)

Dra. Amy Sage: "Ele desligou o celular. Não acredito... Rolfinho, por que você está fazendo isso comigo? Buáááááááá..."

(em Passeio)

Matias: "Throebs está ligando."
Ana Melissa: "Vai atender?"
Matias: "Sim. Se eu não atender ele vai ficar mais fulo da vida ainda, só vou explicar que não tem como a gente atender missões por enquanto."
Melissa: "Espero que ele compreenda."

(en Aiedo)

Macgaren: Não é todo mundo vai atrás de Jiban pelos 15 milhões."
Rickson: "O quê?"
Alys Brangwin: "Hahahahahahahahahaha."
Macgaren: "Tá rindo de quê?"
Alys: "Eu sabia que você era tapado, mas não ao ponto de se matar desse jeito."
Macgaren: "Ora, cale a boca..."
Rickson: "Fiquei curioso, Macgaren... conta aê o que rolou?"
Macgaren: "Na hora certa vou contar tudo. No dia em que trarei para vocês a cabeça de Jiban."
Alys: "Uhuhuhuhuhuhuhuhuhuhuhuhuhuhuhu."
Macgaren: "Se você continuar rindo de mim desse jeito, não respondo pelo Chaz."
Alys: "Acha que vou deixar você fazer alguma coisa com ele, seu zé mané?"
Macgaren: "Ggggrrrrr..."
Rickson: "Alys, por favor..."
Alys: "Se quiser morrer com ele, é só falar."
Macgaren: "Maldita Alys!"
Alys: "Estou pronta. Podem vir."
(Alys empunha seu bumerangue)
Macgaren: "Vamos começar então."
(Macgaren tira os óculos e se transforma)
Atendente Gabriela: "Parem, por favor!"
Rickson: "Acabou a farra, pessoal."
Gabriela: "Um ataque e vocês três serão banidos da Associação dos Caçadores! Ouviram? Ba-ni-dos!"
Alys: "Cagões."
Macgaren: "........"
Rickson: "........"

(em Tonoe)

Gryz: "Luana..."
Luana: "O que foi, amor?"
Gryz: "Vamos aproveitar ao máximo cada momento, não temos ideia do que pode acontecer amanhã."
Luana: "Gryz..."
(se beijam)
Pana: "Maninho vai casar! Vai casar!"
(Gryz fica vermelho)

(em Passeio)

Governador O'Conner: "Que bom que chegou, Kain! Precisamos começar o mais rápido possível."
Hugh Thompson: "Infelizmente precisaremos da Shir para finalizar o projeto, mas vamos adiantando o que a gente já pode fazer."
Kain Ji An: "Desculpe o atraso. Vamos começar."
Vovô dos Clones: "Sem brincadeiras hoje, Kain."
Kain: "Não tenho motivos para brincar, estarei longe da minha Nei. Quanta saudade..."
Hugh: "Hein?"
Conner: "Não me diga que você também..."
Kain: "Estava pensando muito alto, que droga!"
(Conner, Hugh e Vovô olham fixamente para Kain)
Kain: "Eu não matei ninguém não, pera aê."
(Kain fica vermelho)
Conner: "Comecem logo. Cada segundo é precioso!"

(no avião)

Shir Gold: "Não posso demorar muito no Japão, sei que eles precisam de mim o mais rápido possível."

(em Passeio)

Rudolf Steiner: "Já começaram, então?"
Adena: "Sim."
Anna Zirski: "Podemos saber mais?"
Adena: "Infelizmente não, é um projeto desenvolvido com o máximo de sigilo."
Rudo: "Entendo."
Anna: "Espero que no final dê tudo certo."

(em outro lugar de Passeio)

Presidente Throebs: "Vou fazer o jogo deles por enquanto, vamos ver aonde isso vai dar... hahahahahahahahahahahah!"

(em Aiedo)

Jonas: "Ei, Renata, você sabe me dizer se falta muito para o Aniversário Baratin?"
Renata: "Não sei."
Jonas: "Meu amigo vai se assustar quando ver o movimento aqui, pena que ainda não sabemos a data exata."

(em Monsen)

Teim: "Já te contaram que aqui em Motávia nos temos um grande evento do varejo no ano Aniversário Baratin?"
Naoto Tamura: "Aniversário Baratin?"
Teim(sorrindo): "Isso mesmo. Motávia inteira vai para Aiedo."
Naoto: "Interessante... pode ser útil..."
Teim: "Sabia que gostar... olho vivo que já deve estar chegando, hein, titio!"

Nota:

Aniversáio Baratin é referência à Black Friday brasileira, o Aniversário Guanabara.

sábado, 11 de fevereiro de 2017

71 - ELENITA SOBREVIVE

Notícias importantes sobre Elenita estão chegando.

Rolf Landale: "Calma, amigo! Sua reação só vai piorar as coisas."
Anna Zirski: "Vamos aguardar e torcer."
Ana Melissa(chorando): "Tô passando mal!"
Rudolf Steiner: "Vamos sentar e aguardar as boas novas."
Matias(ofegante): "Mana, vou cuidar de você, espere só eu ir no banheiro. Vou aproveitar e trazer uns remédios."

(horas depois, em Monsen)

Teim: "Ufa terminei! Vê se não apronta demais hein, desse jeito eu fico preocupada!"
Policial de Aço Jiban: "Não se preocupe, não vou perder de novo."
Teim: "Promete?"
Jiban: "Sim, ué. E por que eu não prometeria?"
Teim: "Porque seus desafetos são perigosos."
Jiban: "Eu já conhecei o outro mundo e voltei, não se preocupe, sou imortal."
Teim: "Não tenho tanta certeza, por isso mesmo, enquanto você se recupera, vou aproveitar."
Jiban: "Aproveitar o quê?"
Teim: "Surpresinha... você saberá o que é no momento certo."
Jiban: "Assim você vai me matar de curiosidade!"
Teim: "Ué, você não acabou de dizer que é imortal?"
Jiban: "Falha nossa!"
Teim: "Então espere e verá."
Jiban: "Ótimo."
Teim: "Hahahahahahaha."
(Jiban faz sinal de positivo para Teim)

(em Passeio, no Hospital da Dra. Amy)

Rolf: "Nenhuma novidade ainda..."
Rudo: "Estou ficando preocupado."
Anna: "O Matias e a Melissa estão andando em círculos de tanta preocupação."
Rudo: "Espero que ele não esteja pensando em nenhuma besteira."
Rolf: "Ele deve estar com vontade de arrombar a sala de cirurgia."
Anna: "Não dá ideia não. Ssshhhhhh..."

(no dia seguinte)

Dr. Nicolau: "Senhor Matias!"
Matias: "Eu!"
(Matias e Melissa saem correndo em direção ao Dr. Nicolau)
Ana Melissa: "Ela está bem."
Nicolau: "........"
Matias: "Quer morrer?"
Melissa: "Calma, mano!"
Nicolau: "Senhores, a senhorita Elenita Maria..."
Matias: "........"
Melissa: "........"
Nicolau: "Ela está..."
Rolf: "........"
Rudo: "........"
Anna: "........"
Nicolau: "... fora de perigo!"
Melissa: "Viva!"
Matias: "Que bom! Ufa!"
Nicolau: "Mas ela ficará alguns dias sob nossos cuidados, aguardem um pouco para futuras visitas."
Matias: "Não podemos vê-la agora, senhor doutor?"
Nicolau: "Infelizmente não. Entraremos em contato quando as sessões de visitas forem abertas."
Melissa: "Droga."
Matias: "O Senhor Throebs que nos desculpe, mas não poderemos dar suporte a ele por enquanto."
Melissa: "Vou ligar pra ele."
Rudo: "E então, vamos embora, Rolf?"
Rolf: "Sim, preciso render o Kain."
Anna: "Eu vou com o Rudo pra nossa base."
Rolf: "Eu vou dencansar um pouco. Boa sorte."

(em Monsen)

Naoto Tamura(acordando): "Uaaaaaaahhhhh..."
Teim: "Vai no Baratin hoje?"
Naoto: "Não vai dar, estou todo dolorido."
Teim: "Também acho que é melhor descansar hoje, você quase foi pras cucuias ontem."
Naoto: "Ai, ai..."
Teim: "O que foi? Espera aí que já vou passar remédio, fica quietinho aí."
(Teim sai correndo pra preparar os curativos de Naoto)

(em Torinco)

Fantástico Jaspion: "Acho que esse Jiban não gosta de mulher..."

(em Kadary)

Mago Negro Zio: "Espero que ele não atrapalhe a gente."
Juza: "Acho que nossa maior ameaça ainda é Jaspion, meu amo. Ele conhece tudo daqui."
Zio: "Dessa vez concordo com você, até que enfim falou uma coisa útil."
Juza: "Obrigado, meu amo."
(Juza se ajoelha e beija os pés de Zio)
Zio: "Uahahahahahahahahahahahah!"

(em Passeio)

Rolf: "Cheguei, amor."
Nei: "Que bom que voltou, agora poderemos ficar juntinhos ou pouquinho, não é não?"
Rolf: "Desculpe por ter quebrado a promessa ontem. Hoje vai ser diferente, eu prometo."
Nei: "Meu amor..."
(se beijam)
Kain: "Com licença, tenho compromisso hoje..."
Rolf: "Juntinhos e sozinhos novamente, amor..."
Nei: "Estou pronta."
(Nei tira sua roupa)
Rolf: "Assim você me mata! Ai se eu te pego!"
(Rolf tira sua roupa)

Nota:

"Ai, se eu te pego" é o verso mais famoso de uma música que dispensa apresentações.