quarta-feira, 24 de maio de 2017

88 - FOTO PARA GUARDAR

A turma se reúne e tira uma foto com o grupo reunido.

Marcos Vinicius Mendes: "90 pontos! Essa transmissão foi um sucesso!"
Lancelote Alves: "Só faltou o narrador! Hahahahahahaha!"
Vinicius: "Não se preocupe, Gryz certamente será punido!"

(em Aiedo, na Associação dos Caçadores)

Macgaren: "Ainda bem que fugi à tempo, sem o Jaspion não tinha porque ficar perdendo tempo lá! Hahahahahahaha!"

(em Passeio)

Rolf Landale: "Chegamos!"
Dr. Nicolau: "A Amy está na enfermaria."
Rolf: "Vamos, Bernardo!"
Nicolau: "Rudo, Shir, Alys e Chaz também estão aqui."
Rolf: "Depois eu falo com eles! A prioridade agora é Amy!"

(em Monsen)

Naoto Tamura: "Ai! Ai! Que dor!"
Teim: "Você tem que agir com mais prudência, enquanto as atualizações não estiverem prontas você continuará correndo risco de vida, Perfect Jiban não é suficiente para derrotar o Agente Rolf, ele é poderoso demais, talvez nem Gavan conseguiria derrotá-lo."

(em Passeio)

Rolf: "Amy!"
Dra. Amy Sage: "Rolf... estou bem, a Leninha trouxe o Anthony e está aqui comigo."
Elenita Maria: "Mentira! Você só acalmou quando soube que Rolf havia chegado ao hospital."
José Bernardo: "Que bom te ver aqui, amor!"
(se beijam)
Rolf: "Não vou ficar pra trás, princesa!"
(Rolf se abaixa e troca um beijo com Amy)
Rolf: "Vou ver Shir, Rudo e Anna. Tome conta das meninas, Bernardo!"
Bernardo: "Ok!"

(não muito longe dali)

Rika: "Caramba... aprontaram muito dessa vez, hein?"
Chaz Ashley: "Muito... forte..."
Alys Brangwin: "Que dor..."
Julius: "Mamãe, mamãe!"
Alys: "Não se preocupe, logo, logo... estarei 100%."

(em Tonoe)

Gryz: "Te amo!"
Luana: "Te amo!"
(se beijam)
*trrrrim*
Gryz: "Eu atendo! Alô!"
?: "Você e a Luana estão demitidos."
Gryz: "O quê? Mas..."
(o telefone é desligado)
Luana: "O que aconteceu, amor?"
Gryz: "Nós somos..."
Luana: "?"
Gryz: "Os mais novos desempregados de Motávia!"
Luana: "O quê? Buáááááááá..."
(Gryz lhe dá conforto com beijos e abraços)

(em Aiedo)

Simona Valiante: "Tudo certo por aqui. Não evitamos as mortes, mas daqui pra frente tudo em ordem, não temos com o que nos preocupar."

(em Mile)

Guilhotina: "Tudo está ficando cada vez mais complicado..."
Cristina Faria: "Não se preocupe. No final a vitória será nossa."
Salada Mista: "Concordo plenamente!"
(Guilhotina e Cristina se beijam)

(em Passeio)

Matias: "Mel, que desastre."
Ana Melissa: "Isso não vai ficar assim!"

(na sala de O'Conner)

Governador O'Conner: "Apesar de Rolf ter derrotado Jiban, o tamanho do prejuízo é incalculável..."
Adena: "Quantas vidas se perderam..."

(não longe dali)

Kain Ji An: "........"
Hugh Thompson: "........"
Vovô dos Clones: "........"

(no dia seguinte)

Dr. Nicolau: "Estão todos liberados!"
Alys: "Oba!"
Chaz: "Vamos para casa!"
(Rika e Julius sorriem)
Anna Zirski: "Que bom que está recuperado!"
Rudolf Steiner: "Nossa vez de partirmos, amor!"
(se beijam)
Shir Gold: "Que bom que estão todos aqui!"
Rolf: "Te amo!"
Amy: "Te amo!"
(se beijam)
Elenita: "Já vai, amor?"
Bernardo: "Sim, o vôo parte em menos de 10 minutos! Fui!"
(Elenita e Bernardo dão um beijo de despedida, e Bernardo parte em um táxi disparado para o aeroporto)
Elenita: "Buáááááááá..."
Amy: "Por que não foi com ele até o aeroporto?"
Elenita: "Se eu fosse lá iria beijar tanto ele que ele perderia o vôo. Como o amo... buááááá..."
Rolf: "Não chore. Estamos aqui, juntos torcendo sempre um pelo outro."
(Elenita sorri)
Elenita: "Vamos tirar uma foto com todo mundo junto?"
Shir: "Eu topo."
(todos os outros fazem sinal positivo e Dr. Nicolau tira a foto da turma reunida)

Nota:

Fim da temporada. E desta vez, não tenho mais episódios escritos guardados para postagens futuras. Por isso, este episódio é um mini-epílogo porque não sei quando a historinha será retomada.

terça-feira, 23 de maio de 2017

87 - PRIMEIRA LUTA

A primeira luta frente a frente entre Jiban e Rolf.

Shir Gold: "Sinta o poder da Shir dos Ventos! Tornado!"
(Jiban usa a ventania do Tornado a seu favor, equipa o Daidalos e, voando em alta velocidade, acerta o Golpe Jiban em Shir)
Shir: "Nããããoooo!"
Anna Zirski: "Shir!"
Rolf Landale: "Droga! Temos duas desmaiadas agora!"
Rudolf Steiner: "Não tenho como te ajudar, fui bastante ferido, eu e Anna vamos levar as meninas para o médico, ok?"
Rolf: "Agora virou pessoal. Era pra eu ter quebrado sua cara desde o início!"
Jiban: "Você fala demais. Vamos começar a luta!"
Rolf: "Vá pro inferno, seu porco assassino!"
José Bernardo: "Hora de sentar o traseiro e assistir de camarote."
(Rolf e Jiban começam a trocar golpes)

(na Motávia TV)

Lancelote Alves(cochichando): "80 pontos de audiência! Recorde histórico."
Marcos Vinicius Mendes: "E temos aqui um combate."

(em Aiedo)

Gryz: "Estão me chamando para narrar o combate. Desculpe o patrão, mas, nem pensar, é algo sério demais para ficarem brincando na TV como se fosse um evento esportivo comum."
Luana: "Será que vamos sofrer alguma represália?"
Gryz: "Espero que não, mas tenho que ficar preparado."

(na entrada do estádio)

Rolf: "Ninguém vai mais morrer em suas mãos. Nathu!"
(Rolf solta uma técnica poderosa de luz, mas Jiban se esquiva)
Rolf: "Nafoi!"
(Rolf solta três pilares de fogo, Jiban consegue escapar dos três)
Jiban: "Auto Canhão! Pistola Metralhadora!"
(Rolf desvia de todos os ataques)
Jiban: "Espada Maximillian!"
Rolf: "Espada de Lacônia!"
(voltam a trocar golpes)

(no Hospital de Amy, em Passeio)

Dr. Nicolau: "Hospital lotado hoje! Muita gente chegando, e não para de chegar mais."

(em Aiedo)

Rolf: "Tome isso!"
(Jiban se esquiva do golpe e contra-ataca acertando Rolf)
Rolf: "Não!"
(Jiban se aproveita e tenta perfurar Rolf com a Agulha Giratória, porém Rolf consegue escapar e acerta uma sequência de três golpes no Policial de Aço)
Jiban: "Droga!"
Rolf: "Não vou deixar que você transforme Motávia em um mar de sangue! Gizonde!"
Jiban: "Argh!"
(Jiban é atingido pela técnica com eletricidade de Rolf)
Bernardo: "O quê? Cerol Elétrico!"
(Bernardo ataca vários Monges Mascarados que planejavam um ataque surpresa com sua pipa com cerol carregada de eletricidade)
Bernardo: "Ufa! Vamos continuar com a programação normal agora."

(em Passeio)

Governador O'Conner: "Muito bom! Rolf está controlando bem a luta."
Adena: "Nesse ritmo ele vai vencer sem grandes problemas."

(em Aiedo)

Rolf: "Toma! Toma! Toma! Toma! Toma!"
(Rolf, dominado pela fúria, acerta uma sequência de vários golpes poderosos em Jiban)
Jiban: "Ugh..."
(Começa a sair bastante fumaça da armadura de Jiban e ele demonstra dificuldades de se manter de pé)
Rolf: "Quando estou dominado pelo ódio, sou indestrutível."
Bernardo: "Não, Rolf, não faça isso!"
Rolf: "Hein?"
Bernardo: "Nâo tente usar a técnica proibida. Você sabe melhor do que eu que ela drena a energia vital das pessoas que você ama. Amy saiu daqui passando muito mal, seu corpo pode não aguentar se você usar Megid!"
Rolf: "Megid? Como sabia? Como conhece Megid?"
Bernardo: "Já disse para não me subestimar."
Jiban: "Não baixe a guarda! Auto Canhão! Canhão Final!"
Rolf: "Escudo Real!"
(Rolf se deixa atingir pelo Canhão Final, mas sai ileso dele)
Jiban: "Não pode ser! De que mundo você veio! Você não é humano."
Rolf: "Sou descendente da heroína de Motávia, Alis Landale! Seu espírito vem até mim para me proteger de todo o mal deste mundo."
Jiban: "Droga, o que eu faço?"
Rolf: "Nazan!"
(Rolf solta uma rajada de vento contra Jiban, desta vez Jiban não consegue escapar e bate contra a parede)
Jiban: "Não posso morrer!"
(O visor de Jiban começa a piscar)
Teim(de Monsen): "Perigo, Jiban! Não continue lutando ou você será destruído!
Rolf: "Vai morrer agora!"
Bernardo: "Pare, Rolf! Recebi um telefonema dizendo que Amy teve uma queda de pressão. Só você pode deixá-la mais calma! Vá embora agora!"
Rolf: "Droga! Você deu sorte!"
Jiban: "Dá próxima vez será diferente! Spyras!"
(Jiban vai embora, e Rolf e Bernardo entram correndo no carro do Herói de Motávia)
Bernardo: "Desculpe, Rolf, mas sei o quanto a Amy é importante para você. Eu não conseguiria viver sem minha Leninha."
Rolf: "Não se preocupe, você agiu corretamente."
Bernardo: "Espero que ao menos Jiban demore a descobrir que o Escudo Real só pode ser usado uma vez por dia."
Rolf: "Até disso você sabe? Você sabe tudo mesmo, Bernardo..."
Bernardo: "Hehe..."
Rolf: "Só não fala muito alto que sempre pode ter alguém escutando."
Bernardo: "È aquele Wolf Lion, certo?"
Rolf: "Nem me fale..."

(na Motávia TV)

Vinicius: "90 pontos! Essa transmissão foi um sucesso!"
Lancelote: "Só faltou o narrador! Hahahahahahaha!"
Vinicius: "Não se preocupe, Gryz certamente será punido!"

Nota:

"Temos um combate" é referência ao "temos um jogo" do Everaldo Marques da ESPN.

quarta-feira, 17 de maio de 2017

86 - ROLOU UM CLIMA

A discussão entre Simona e Lemadan termina de forma inesperada.

Monge Mascarado: "Morte aos hereges!"
(vários torcedores são assassinados pelos Monges Mascarados)
Mascarado: "Idiotas! Quem troca sua religião por um jogo de futebol não merece sobreviver!"

(na entrada do estádio)

Chaz Ashley: "Por que você matou os torcedores? Eu te desafio!"
Policial de Aço Jiban: "Morra! Auto Canhão! Pistola Metralhadora!"
Chaz: "Não!"
(Chaz não consegue se desviar e Alys se põe na frente dele para receber os tiros)
Chaz: "Alys! Por quê?"
Alys Brangwin: "Não vou morrer... não se preocupe..."
Chaz: "Alys! Não posso deixar você aqui, vamos embora."
Jonas: "Deixa que eu levo ela! Cuide dele!"
Alys: "Não, seu idiota, vai ser pior!"
Chaz: "Morra, policial assassino! Corte Cruz!"
(Jiban segura a espada de Chaz com o Poder Braquial e contra-ataca)
Jiban: "Espada Maximillian! Golpe Jiban!"
Chaz: "Aaaaaahhhhhhh!"
(Chaz é atingido em cheio e agora são dois corpos estendidos no chão)
Rickson: "Eu te ajudo, Jonas, vamos levá-los para um local seguro e chamar a ambulância."
Jonas: "Ok!"
Raquel: "Eu chamo a ambulância!"

(perto dali)

Mascarado: "Vou matar mais um... aaaahhhh!"
(o Monge Mascarado é decapitado por um jovem equipado com uma pipa)
José Bernardo: "Sinta o poder da minha Linha Chilena! Quem quer levar mais?"
Mascarado: "Socorro!"
Bernardo: "Tome isso! Bola explosiva!"
(Bernardo ataca o oponente com uma bola de gude, que causa uma explosão ao encostar nele)
Mascarado: "Vem! Vem! Linha Cerol!"
(Bernardo faz cortes profundos em várias partes do corpo de vários Monges Mascarados atingidos em sequência, como um retalhador)
Rolf Landale: "Aqui não é lugar para crianças!"
Bernardo: "Você? Que arrogância é essa? Não me subestime!"
Rudolf Steiner: "Você veio aqui visitar sua namorada, não veio soltar pipa muito menos brincar de bolinha de gude."
Bernardo(com raiva): "Gggrrrrrr..."
Anna Zirski: "Enquanto você está de pirraça, torcedores estão morrendo."
Dra. Amy Sage: "Não estamos te expulsando, apenas queremos te proteger."
Shir Gold: "Você pode coletar dados de Jiban para a gente e nos enviar ao término da batalha."
Bernardo(cabisbaixo): "Tá, tá, cinco contra um fica meio difícil tentar reverter a situação."

(na Motávia TV)

Marcos Vinicius Mendes: "Não é possível! Centenas de mortos! E grande parte deles foi assassinada pelo Jiban!"
Lancelote Alves(cochichando): "Nossa audiência já está em 60 pontos."

(em Aiedo, um pouco longe do estádio)

Simona Valiante: "Não se metam! A polícia já está cuidando dos arruaceiros que sobreviveram."
Lemadan: "Se você não deixar a gente passar..."
(os dois se olham fixamente um para o outro, Simona demonstra uma mistura de ódio e desprezo por Lemadan)
Ana Melissa: "Ataca, mano! Tá esperando o quê, por que não tem coragem de bater nela? O que está acontecendo com você?"
Lemadan: "... vamos embora! Ela está certa."
Melissa: "Hein?"
Simona: "Que bom que ele foi consciente, senão ele estaria preso por desacato à autoridade."
Lemadan: "vamos deixar o peixe grande com Rolf. Nós já demos a lição que ele merecia."
Melissa(contrariada): "Que bicho te mordeu? Tá apaixonado, é?"
Lemadan: "........"
(Melissa acerta um chute em Lemadan)
Lemadan: "Qualé, mana? Tá com ciúme? Não tô gamado não, só não estou afim de lutar."
Melissa: "Hmpf..."
Simona(com cara de brava): "........"

(em Kadary)

Mago Negro Zio: "Hmpf... a brincadeira vai começar. Ainda bem que não fui, tô com preguiça de matar hoje."
Juza: "Quer que eu mate alguns para você."
Zio: "Não, você não venceria a luta contra quem não está lá."
Juza: "Sim, meu amo. O senhor está certo, sempre certo."

(em Torinco)

Fantástico Jaspion: "Sem sinal de Zio, só de alguns peõezinhos dele, ainda bem que não perdi tempo indo para lá, eles que se entendam."

(em Piata)

Shelley: "Droga, pensei que ia aproveitar o futebol e beber a tarde toda. Acabou a sopa, não tem mais clima..."

(em Aiedo)

Rolf: "Chegamos! Agora é comigo."
Jiban: "Veio me desafiar, garoto?"
Rolf: "Por que você matou os torcedores? Eles só eram um poquinho bitolados com futebol, era só prendê-los e bani-los de estádios."
Jiban: "Cale e boca, eles depredaram e saquearam muita coisa, além de termos vários feridos e mortos aqui. Tive de usar a força."
(Amy desmaia ao ver a quantidade de mortos espalhados pelo chão)
Rolf: "Princesa!"
(Rolf vai correndo socorrer sua amada)
Rudo: "Tome isso!"
(Rudo dá vários tiros em Jiban, mas ele escapa de todos, os que o acertam não causam dano)
Anna: "Tome isso!"
(Anna arremessa seu bumerangue, que Jiban pega com a mão ao vê-lo se aproximar e o arremessa de volta contra a heroína)
Anna: "Aaaaaahhhh!"
(Rudo se coloca na frente e recebe o ataque)
Rudo: "Argh!"
Shir: "Sinta o poder da Shir dos Ventos! Tornado!"
(Jiban usa a ventania do Tornado a seu favor, equipa o Daidalos e, voando em alta velocidade, acerta o Golpe Jiban em Shir)
Shir: "Nããããoooo!"
Anna: "Shir!"

sábado, 13 de maio de 2017

A Escolha (A Seleção - Livro 3)

E, enfim, após exatamente dois meses, terminei a leitura da trilogia principal de America Singer, a protagonista dos três primeiros livros da série "A Seleção", apaixonante romance da americana Kiera Cass.
Este terceiro livro que fecha a primeira geração da saga principal, tem um pouco mais de ação e aventura que os anteriores, mas sem perder a dose de romance que marca o tom e dita o ritmo da série. Mais uma vez, nota 8,5. Não leva mais porque achei o final meio corrido, não sei se o número de páginas de cada livro da série é "engessado" pela editora, mas por causa disso a parte final da trama tem um furinho que não compromete a (por que não) novelinha.
Isso mesmo, novelinha. Se a autora fosse brasileira com certeza "A Seleção" já teria parado na Globo pelas características de novela/drama/romance da saga(eu voto novela das 7, que geralmente são as obras para um público jovem, mas poderia também ser "supersérie" ou "maxisérie", ou seja lá qual o nome que a Globo gosta de chamar suas séries, ultimamente adoram enfeitar. Em caso de sucesso no Japão(não sei se foi o caso), poderia ter virado um mangá shoujo, ficaria excelente também, não hesitaria em colecionar.
Mas, falando sério agora, os fãs cruzam os dedos mesmo é para parar em Hollywood ou no Netflix. Espero que os ianques não deixem passar a oportunidade, eu assistiria na semana de estreia, seja qual fosse o caso.
Para finalizar, não planejo começar a ler o livro 4 de imediato. Antes, devo caçar uns fanfics da saga de America.

PS 1: O personagem Ed, o mais novo combatente do game "Street Fighter V", é mais ou menos como eu imagino o Príncipe Maxon.
PS 2: O Brasil é citado nos agradecimentos do livro 2, esqueci de citar no post de "A Elite"! Demais!

sexta-feira, 12 de maio de 2017

85 - GOLEADA

Resultado surpreendente no grande clássico de Aiedo.

José Bernardo(sorrindo): "Vamos ficar só nós dois na casa da Amy."
Elenita Maria(vermelha): "Zé..."
(se beijam)

(no domingo)

Marcos Vinicius Mendes: "Aiedo está parada. Vamos ficar atentos."
Lancelote Alves: "Vamos ganhar muita audiência hoje."

(em Aiedo)

Policial Nakata: "Nossa! O Hipermercado Baratin até fechou por causa do jogo!"
Jonas: "Pra você ver..."
Nakata: "Falando nisso, estou sabendo que você vai casar, não é?"
Jonas: "Sim, será no dia 20 de outubro, será o evento que marcará o início do Aniversário Baratin."
Nakata(de queixo caído): "Hã? Vocês vão se casar dentro do supermercado?"
Jonas: "E qual o problema?"
Nakata: "Nenhum, é que eu não faria isso, hehehe."
(Raquel e Renata se aproximam)
Raquel: "Vamos torcer, amor?"
Jonas: "Vamos, hoje o Baratin vai vencer de goleada!"
(se beijam)

(na Associação dos Caçadores)

Alys Brangwin: "Olha a companhia de hoje. Tenho que aguentar isso mesmo?"
Macgaren: "Será que o Maldito Jaspion vem assistir ao jogo?"
Rickson: "Aiedo Hunters vai vencer!"
Chaz Ashley: "Vamos logo, pessoal, estou ansioso!"

(na cabine do Estádio do Aiedo)

Gryz: "Olá, amigos, estamos aqui para levar para você, amigo telespectador, o jogo do ano, Baratin X Aiedo Hunters!"
Luana: É um grande clássico, e clássico não tem favorito."

(em Passeio)

Governador O'Conner: "Obrigado por colaborarem. Estejam preparados para qualquer eventualidade."
Rolf Landale: "Sim, senhor!"
Dra. Amy Sage: "Estamos preparados para o que der e vier."

(em Oputa)

Elenita Maria: "Já botei a pipoca no micro-ondas, amor!"
José Bernardo: "Ok, deixa eu só trocar a fralda do Anthony e estou indo para o sofá."

(em Aiedo)

Gryz: "E começa a partida!"

(minutos depois)

Gryz: "Gooooooooolll! É do Baratin!"
Jonas, Raquel: "Viva!"

(do outro lado do estádio)

Alys: "M*rda!"

(minutos depois)

Gryz: "Gooooollll!"

(e assim por diante, até chegar ao placar de 7 X 0)

Gryz: "Que humilhação! Quando esse carnaval vai parar!"
Luana: "Olha, o gol de honra."
Gryz: "Nem vou gritar gol, o jogo já está decidido faz tempo."
Luana: "Goleada histórica! Pane geral no Aiedo Hunters."
Gryz: "E o juiz apita! Fim de jogo! Baratin 7 X 1 Aiedo Hunters!"

(no estádio)

Jonas, Raquel: "Êêêêê..."

(em outro ponto do estádio)

Alys: "C******."
Rickson: "Ei, olhe, pancadaria generalizada na saída do estádio."
Chaz: "Vamos intervir."

(na cabine)

Gryz: "Vamos ter que encerrar a transmissão agora, infelizmente sem pós-jogo, isso aqui virou uma guerra."
Luana: "Beijinho, beijinho, tchau, tchau."

(em Oputa)

Bernardo: "Droga, não posso ficar aqui parado. Vou ajudar nossos amigos, você fica com o menino."
Elenita: "Não, por favor, eu não quero te perder, ele pode estar lá!"

(em Aiedo, pancadaria generalizada nos arredores do estádio, com várias lojas sendo depredadas e saqueadas, incluindo atos de violência causando até mortes)

*ratatatatatatata*
(uma metralhadora é disparada contra centenas de torcedores, causando um verdadeiro massacre em Aiedo)
Policial de Aço Jiban: "Cláusula nº 10 - O Policial de Aço Jiban pode imobilizar qualquer elemento que perturbar a ordem pública e o seu patrimônio."

(do outro lado do estádio, vários torcedores são atacados por Monges Mascarados)

Monge Mascarado: "Morte aos hereges!"

Notas:

1- "Beijinho, beijinho, tchau, tchau" é referência à Rainha dos Baixinhos.
2- O placar de 7 X 1 é referência ao Alemanha 7 X 1 Brasil da Copa do Mundo Brasil 2014, que dispensa apresentações.

segunda-feira, 1 de maio de 2017

A Elite (A Seleção - Livro 2)

E Vamos nós com a segunda parte da trilogia da saga de America Singer em busca de seu grande amor. "A Elite", continuação de "A Seleção" manteve o nível, com o romance sempre em alta. Nota 8,5:

1- Se por um lado ele não tinha mais o "frescor" de "A Seleção" por ser uma novidade, por outro lado ele me prendeu mais e eu li mais rápido, em duas semanas e meia, pouco mais da metade do tempo do primeiro livro.
2- No primeiro livro uma de minhas passagens preferidas era um trecho que mostrava como o amor podia ser belo e machucar ao mesmo tempo. Neste livro, uma parte que me marcou foi uma que fez lembrar o mundo selvagem, e, principalmente, competitivo, em que vivemos, onde a linha entre a rivalidade e a inimizade é muito tênue.
3- Com a diminuição do número de candidatas remanescentes, houve a possibilidade de um desenvolvimento bem melhor das personagens, já que havia um número bem menor delas no livro.
4- A carga emocional aumentou, com algumas partes bem dramáticas, fazendo-o lembrar às vezes de uma verdadeira novela/série. Há inclusive uma passagem que chega a ser "medieval" nele, mas sem que haja em nenhum momento a perda da essência da história contada na saga: muito amor, romantismo, e sensibilidade à flor da pele. Kiera Cass continuou mandando muito bem.
5- Houve também mais diversificação na abordagem dos temas do livro, com política e história de Illéa, o país fictício onde se passa o universo de "A Seleção".

Para fechar, este post acredito estar bem menos inspirado do que o do primeiro livro, mas acho que dá pro gasto, o post de hoje(e os outros daqui pra frente, ainda faltam três livros para eu ler) acredito que se encaixa mais como um dos "apêndices" do post do mês passado.

84 - CONSOLIDAÇÃO DOS CASAIS

Noite feliz para dois casais motavianos.

Dra. Amy Sage: "Peraí, estão me ligando! Vou atender! Deve ser ele!"
Shir Gold: "Amiga, você venceu!"
Elenita Maria: "Mais um motivo para nossa festa! Oba!"
(Amy começa a gritar, beijar e abraçar todos, um por um)
Amy: "Eu venci! Eu venci! Eu venci!"
Renata: "Afffff..."

(em Tonoe)

Gryz: "Domingo é o dia do grande clássico de Aiedo.
Luana: "Precisamos nos preparar.
Gryz: "Estou com um mau pressentimento, amor."
Luana: "Gryz... não fale isso, por favor..."

(em Passeio)

Nei: "Buááááááááá... é tão safado que se esqueceu do meu aniversário. Que presente de grego, ele não teve um pingo de consideração..."

(no Lariat da Rocha)

Rolf Landale: "Cheguei!"
Amy: "Meu amor!"
(Amy se levanta e rouba um beijo de Rolf instantaneamente)
Raquel: "Parabéns, amiga."
Jonas: "Agora que já estão todos aqui, posso revelar a surpresa de hoje."
Shir: "Qual?"
José Bernardo: "Estamos curiosos."
Jonas: "Estão todos prestando atenção?"
Renata: "Não, o Rolf e a Amy não estão nem aí para a Hora do Brasil."

(em Monsen)

Naoto Tamura: "Nesse domingo sinto que vou ter que agir."
Teim: "Tome cuidado, titio."

(em Passeio)

Rolf: "Mais?"
Amy: "Daqui a pouco, o Jonas quer falar com a gente."
Rolf(vermelho): "Desculpe te atrasar, Jonas. Pode prosseguir."
Amy(vermelha): "O que será?"
(Amy pisca o olho para Raquel)
Jonas: "Raquel..."

(em Zema)

Wolf Lion: "Então o casamento de Rolf acabou de vez?"
Jay Nights: "Sim, nossas fontes já apuraram e confirmaram a informação)
(as pulguinhas de Wolf Lion começam a pular)
Wolf: "Ahahahahahahahahahahahahaha."
Jay: "Kakakakakakakakakaka."

(em Passeio)

Raquel(olhos brilhando): "Fala, querido."
(Jonas pega um par de alianças e o mostra para todos)
Jonas: "Raquel, você quer casar comigo?"
Raquel: "Eu... eu..."
(Jonas se prepara para colocar uma das alianças em um dos dedos de Raquel)
Raquel: "Eu... eu... quero... quero casar sim!"
(Jonas termina de colocar a aliança em Raquel, e em seguida ela desmaia)

(minutos depois)

Renata: "Acordou? Pensei que você é quem iria para o hospital dessa vez..."
Raquel(olhos brilhando): "Estou tão feliz!"
Rolf: "Não precisa ficar com inveja não, princesa."
(Rolf pega um par de alianças e mostra para Amy)
Amy: "Oi... me belisca... isso é um sonho!"
(Rolf coloca a aliança em Amy e em seguida trocam um beijo apaixonado. Raquel e Jonas fazem o mesmo)
Elenita: "Vamos vibrar, pessoal!"
(todos os componentes da mesa comemoram, vibram e aplaudem os pombinhos)

(em Zema)

Wolf: "Novidades, amigão!"
Jay: "Fala."
Wolf: "Rolf e sua menina assumiram compromisso."
Jay: "Interessante..."
Wolf: "E o casalzinho do mercado vai casar, mas eles não são tão importantes para a gente."
Jay: "Vou colocar uma notinha só para não deixar passar em branco."

(nos corredores da Motavia TV)

Marcos Vinicius Mendes: "Se preparara que domingo a gente pode entrar com plantão, hein?"
Lancelote Alves: "Estou ciente..."

(em Passeio)

Amy: "Leninha..."
Elenita: "Sim, já sei..."
Chaz Ashley: "Então você, Rolf, Jonas e Raquel vão juntos para o Motel Palmeira?"
Alys Brangwin: "Eles vão para quartos diferentes, seu lerdão."
(Alys dá um beliscão em Chaz)
Chaz: "Iau!"
Renata: "Que panacas..."
Rika: "Deixa pra lá."
Bernardo(sorrindo): "Vamos ficar só nós dois na casa da Amy."
Elenita(vermelha): "Zé..."
(se beijam)

sexta-feira, 21 de abril de 2017

83 - A VITÓRIA DE AMY

Amy vence uma importante batalha em sua busca incansável pela felicidade.

Dra. Amy Sage: "Liga não, vamos rir um pouco na cantina."
Rolf Landale: "Eu pago."
(Rolf e Amy se beijam)
Renata: "Cavalheiro, hein?"
Raquel: "Mal-humorada..."

(em Mile)

Darum: "Teim, aonde você está? Juro que, se você for sequestrada, eu mato o criminoso!"
(Darum, no meio de sua revolta, solta vários tiros para o alto)

(em Passeio)

Shir Gold: "Adoro você. Meu passatempo."
Rickson: "Vamos brincar de caça-palavras?"
(se beijam)

(um semana depois)

Shir: "Que noite maravilhosa eu tive semana passada!"
Amy: "Está apaixonada?"
Shir: "A-pai-xo-na-da? Eu? Tá me estranhando, é?"
Amy: "Tá parecendo..."
Shir: "Não me chamo Amy."
Elenita Maria: "Olá, amigas!
Amy: "Leninha!"
Shir: "E quem é esse?"
Elenita(sorrindo): "Meu namorado."
José Bernardo: "Olá, meninas."
Amy: "Que bom que tudo terminou bem... vamos sair para comemor..."
Shir: "Ei, olhe."

(perto dali)

Jonas: "Cheguei."
Raquel: "Meu amor! Pensava que esse dia nunca chegaria."
(se beijam apaixonadamente)
Renata: "Vamos pra casa logo, depois a gente comemora. Não aguento mais esse lugar."
Raquel: "Deixa de ser chata, mana!"
(se beijam ainda mais)
Jonas: "Te amo!"
Shir: "Ei, nossa amiga também ganhou alta hoje! Vamos comemorar juntos!"
Raquel: "Vamos almoçar todos juntos no Lariat da Rocha."
Elenita: "Eu topo, vivaaaaaa!"
Amy: "........"
Renata: "Vai ficar aí? Vamos embora e você vai ficar na pista, hein?"
Amy: "........"
Shir: "Hoje não vai dar, amiga, sabe muito bem que a Nei vai receber alta hoje."
Amy: "Ok."
Elenita: "Vamos todos logo para lá!"
(Raquel e Elenita saem do hospital dançando e cantando)

(em Mile)

Darum: "Teim, aonde você está, minha filha?"

(minutos depois, em Passeio)

Rolf: "Nei..."
Nei: "Sabe aonde vamos agora, não é?"
Rolf: "Sim. Colocar um ponto final na nossa história."

(mais tarde)

Escrivão: "Assinem aqui."
Rolf: "Ok."
Nei: "Buáááááááá..."
(e assim, Rolf e Nei assinam o seu divórcio)

(no Prédio do Grupo de Resistência)

Governador O'Conner: "Muito bom, eles estão progredindo rápido."
Adena: "Estou ansiosa pelo resultado, espero que seja satisfatório."
(em seguida, ambos se olham e se beijam)

(em Oputa, mais tarde)

Rolf: "Lar, doce, lar... ei, a Amy deixou um bilhete para mim."
(Rolf lê o bilhete e se apressa para chegar rápido na confraternização de Elenita e Jonas)

(em Passeio, no Lariat da Rocha)

Amy: "Será que ele vai vir? Será que ele vai vir?"
Renata: "Vocè muito chatinha, hein?"
Shir: "Ele vai vir sim, amiga, fique calma."
Anthony: "Buááááááááá..."
Elenita: "Até o filhote está chorando, hehe."
Jonas: "Falando nisso, Bernardo, até quando você vai ficar com a gente?"
Bernardo: "Até segunda. Estou com vontade de assistir ao jogo de domingo."
Raquel: "Isso mesmo, o grande clássico de Aiedo! Estaremos lá também."
Chaz Ashley: "Aiedo Hunters X Baratin."
Alys Brangwin: "É com muito pesar que digo que estaremos em lados opostos no domingo, Raquel."
Nei: "O Hunters vai vencer."
Julius: "Estou até com o uniforme dele que a mamãe me deu."
Amy: "Peraí, estão me ligando! Vou atender! Deve ser ele!"
Shir: "Amiga, você venceu!"
Elenita: "Mais um motivo para nossa festa! Oba!"
(Amy começa a gritar, beijar e abraçar todos, um por um)
Amy: "Eu venci! Eu venci! Eu venci!"
Renata: "Afffff..."

Nota:

"Lariat da Rocha" é um trocadilho com a rede de restaurantes Pilão de Pedra/Pilograma, com todas suas unidades localizadas no Centro do Rio.

sexta-feira, 14 de abril de 2017

82 - ÓTIMAS NOTÍCIAS

Dia de boas novas para vários motavianos.

José Bernardo: "Já vai?"
Dra. Amy Sage: "Sim, preciso contar as novidades para o Conner."
Elenita Maria: "Não se preocupe, estarei bem aqui com o Zé."
Amy: "Beijinhos a todos os dois."
Bernardo: "Tchauzinho. Você é um amor!"

(mais tarde)

Governador O'Conner: "Enfim estamos juntos novamente!"
Rolf Landale: "Bem, já sabem de tudo, ou quase tudo, né?"
Dra. Amy Sage: "Eu coletei informações sobre o Policial de Aço Jiban."
Anna Zirski: "Estamos ansiosos pelas novidades."
Rudolf Steiner: "Espero que sejam novidades boas."
Rolf: "Da minha parte, não sao. A Nei abortou nosso filho e nosso casamento acabou."
Amy: "Rolf..."
Rudo: "Isso é grave."
Adena: "Espero que consiga superar esta fase dolorosa em sua vida."
O'Conner: "Aqui, Hugh, Kain e o Vovo dos Clones já começaram."
(e, durante o resto do dia, nossos heróis continuam trocando suas novidades)

(no Japão)

Shir Gold: "Já estou embarcando. Tomara que a viagem não tenha nenhum problema, estou com saudades do pessoal."

(no dia seguinte)

Shir: "Cheguei. Vou me apressar, quanto mais cedo eu entregar isso, melhor."

(mais tarde)

Shir: "Cheguei, chefinho!"
O'Conner: "Ótimo. Conseguiu o que precisávamos?"
Shir: "Tá na mão."
O'Conner: "Excelente! Vou entregar a Hugh e os outros imediatamente."
Adena: "Nem vai precisar, parece que eles estão saindo para descansar um pouco."
Shir: "Presentinho!"
Hugh Thompson: "Ótimo. Vou almoçar correndo hoje."
Kain Ji An: Estamos com você."
Vovô dos Clones: "A destruição do Policial de Aço Jiban é prioridade para nós."
Shir(sorriso colgate): "Eu vou comemorar pegando uns filés hoje. Até mais."

(em Oputa)

Rolf Landale: "Caramba! Só agora estou lendo a mensagem da Shelley! Tenho que ficar de olho naqueles fuxiqueiros..."

(em um bar de Piata)

Shelley(bebendo): "Meu herói traiu sua esposa com outra... por que não eu? Buááááááá..."

(em Aiedo, na Associação dos Caçadores)

Rickson: "Ei, Macgaren, estão me ligando?"
Macgaren: "Vai tretar hoje?"
Rickson: "Espero que não. Não tom com a mínima vontade. Espero que não tenha acontecido nada no Baratin."
Macgaren: "Se acontecer, talvez o Maldito Jaspion apareça lá, aí eu aproveito e acabo com ele! Hahahahahahaha!"
Rickson: "Cala a boca! Alô!"
Shir(na linha, com voz sexy): "Alô."
Rickson: "Alô, quem tá falando? Não estou reconhecendo a voz!"
Shir: "Sua amiga de todas as horas, você sabe."
Rickson: "Fala com sua voz normal!"
Shir: "Não tá me reconhecendo não, babaca? Sou a sua Shir Gold. Vamos sair esta noite, está desocupado?"
Rickson: "Estou sim, aonde vamos?"
Shir: "No Shopping Passeio. E depois... no Motel Palmeira. Topa?"
Rickson: "Shir... hoje é quarta-feira ainda, vamos deixar para sexta!"
Shir: "Sexta não dá, eu quero você pra hoje, seu borracha fraca!"
Rickson: "Shir, eu estou duro!"
Shir: "Vai negar fogo? Sabe muito bem que, de uma forma ou de outra, dinheiro não é problema para mim. Ou tá com vergonha de ir só por que eu vou pagar?"
Rickson: "Tá, tá, hoje à noite então."
Shir: "Gostei de ver. Como aperitivo, vou te mandar uma amostra grátis, assim que eu desligar o celular, dá uma olhada nas suas fotos."
Rickson: "Falou, Shir, tchau, até mais."
Shir: "Tchauzinho, gostosão."

(minutos depois)

Rickson: "Uau!"
(Rickson recebe em seu celular uma foto de Shir completamente nua, mandando um beijo para ele)

(mais tarde)

Rickson: "Boa noite."
Shir: "Gostou do aperitivo?"
Rickson: "Muito."
(Shir se esfrega em Rickson e começam a se beijar)

(no Hospital de Amy)

Dr. Nicolau: "Elenita, Jonas e Nei terão alta na semana que vem.
Amy: "Oba!"
Raquel: "Êêêê..."
Rolf: "Aleluia."
Amy: "Vamos aproveitar e botar o papo em dia, pessoal!"
Rolf: "Melhor impossível."
Renata: "Fofocando..."
Raquel: "Mana..."
Amy: "Liga não, vamos rir um pouco na cantina."
Rolf: "Eu pago."
(Rolf e Amy se beijam)
Renata: "Cavalheiro, hein?"
Raquel: "Mal-humorada..."

Nota:

O nome do hotel é um trocadilho com um famoso hotel da Zona Norte do Rio de Janeiro que, se lido de forma errada, tem um nome que remete ao futebol paulista.

sábado, 8 de abril de 2017

A Seleção (livro)



Ontem terminei de ler meu segundo livro da atual "temporada", "A Seleção", da autora americana Kiera Cass. Nota 8(pode subir para 8,5 se o resto da série manter o nível, afinal sem o sucesso dele não existiria a saga/universo "A Seleção).
Não cheguei a "devorar" o livro como a leitura anterior, "A Garota Italiana" de Lucinda Riley, fui lendo ele aos pouquinhos. Me interessei por ele quando li sua sinopse na internet, e vi que poderia dar caldo. O seu público-alvo(garotas adolescentes) poderia deixar um pouco algumas pessoas com um pé atrás, e ao vê-lo na Saraiva disponível na seção como um livro na estante infanto-juvenil, minhas expectativas eram de um livro "comum", mas de página em página, ele me surpreendeu:
uma leitura leve e divertida, que cumpre bem a sua função de entreter o leitor, com muito romance(com algumas partes realmente bem meladas, perfeito para fazer algumas garotas suspirarem e se derreterem) e um pouquinho de política(que, acredito eu, seja um tema que se desenvolva mais nos livros seguintes da série). Gostei do estilo da autora, ela escreve bem, ela sabe como prender e divertir o leitor. É daquelas obras capazes de transformar o humor de uma pessoa durante sua degustação, comigo aconteceu durante várias vezes, foi minha companhia em todo o mês de março ao lado dos filmes que assisti a cada semana.
"A Seleção" é o primeiro de uma série de livros que aborda um conto de fadas em um universo distópico que conta a história da protagonista America Singer em uma competição de 35 garotas que disputam o coração do príncipe Maxon(herdeiro do trono de Illéa, país sucessor dos Estados Unidos, que nesse meio tempo foi ainda o "Estado Americano da China" - o que me causa gargalhadas incontroláveis toda vez que ouço esse nome), em uma espécie de reality show(segundo os especialistas da saga, uma mescla de "The Bachelor" e "Jogos Vorazes") com transmissão da TV e tudo.
Meu coadjuvante preferido é um personagem chamado "Gavril Fadaye", uma espécie de "Amaury Jr. de Illéa", um cara que entrevista a família real e as grandes personalidades e celebridades do país na TV. Risadas garantidas.

No universo do livro, a sociedade é dividida em castas, uma crítica à nossa sociedade onde as classes sociais muitas vezes ditam a importância de cada indivíduo(quem nunca teve uma experiência ao menos ouviu de uma experiência de um parente/amigo/conhecido, por exemplo, daquele cara da periferia que sofria resistência dos familiares de sua namorada da Zona Sul?). No livro, por exemplo quando um casal é formado entre duas pessoas de castas diferentes, a burocracia para o casamento é infinitamente maior.
São 8 castas no universo de "A Seleção", e não vou me estender aqui no post sobre o tema, mas só vou por um adendo rapidinho: como a autora é de um país onde os professores são valorizados, no livro eles são de casta Três, o que pode causar estranheza para os leitores daqui do Brasil, por exemplo. Se a historia se passasse em Terra Brasilis com certeza a turma do magistério infelizmente seria casta Seis para baixo...
No livro tem um telejornal norturno em que o país inteiro para assistir, e todos, até os mendigos(que procuram um botequim com TV) ficam hipnotizados em frente à telinha para assistir ao "Jornal Oficial", que apesar de ser de um universo de fantasia, o fenômeno que ele causa não é tão distante do que a gente vê, por exemplo, em nosso país, com um tal...

Sobre o público-alvo, confesso que nunca dei muita trela para isso, se a história for boa acompanho ela independentemente dela ser direcionada para crianças, garotas, etc. Quando colecionava mangás, batia muito forte em fóruns de internet em relação a essa segmentação de públicos sobre isso não funcionar muito por aqui(eu colecionei muitos mangás shoujo, e o meu preferido dos que comprei é justamente um do gênero, chamado "Fushigi Yuugi", recomendadíssimo, linda história - e meu anime preferido da Geração Manchete era "Sailor Moon"). Inclusive por causa de meus gostos pessoais costumo ir a sessões de cinema onde a maioria de espectadoras é do público feminino(com a grande exceção, como não poderia deixar de ser, de "Logan").
Os nomes utilizados para as localidades são muito criativos. Tem Carolina(aliás, tem até uma cidade-xará que virou uma notícia essa semana na Globo por causa de um carteiro do Maranhão) por causa Carolina do Norte/Sul, (Los) Angeles(capital), Noruécia(Noruega + Suécia), Hondurágua(Honduras + Nicarágua), só para citar alguns.
Um dos eventos do livro me fez lembrar de longe um clichê utilizado também em novelas turcas. Não posso me estender sem soltar spoilers, só digo que é uma espécie de "inversão".
O livro, por algumas razões, também me faz lembrar de um de meus games preferidos - Phantasy Star III:
A- Um futuro onde a tecnologia regrediu ao invés de avançar.
B- A existência de uma nova geração na saga após a protagonista alcançar a felicidade.
C- Uma linha de tempo alternativa que inexiste nos livros, mas que tenho quase certeza que deve existir no fandom(leia-se fanfics). Não posso soltar spoilers violentos aqui, mas aqui vai a dica para os "phans": Maia/Lena.
O final do livro é eletrizante e deixa o leitor com vontade de ir correndo para a livraria compra sua sequência, "A Elite". Ou de começar a lê-lo, caso ele já tenha se antecipado. Segunda é a minha vez.
Eu comprei a trilogia em março, e é questão de tempo eu comprar os livros 4 e 5. Já os extras eu não devo comprar, após "A Coroa", devo partir para o mundo mágico e inventivo dos fanfics.


Atualização do post 09/04: esqueci de dizer: comprei o livro na promoção da Saraiva do Dia da Mulher, que dava desconto de 50% para qualquer livro comprado por qualquer cliente cadastrada no site. Ao contrário do que fora anunciado nas redes sociais, a menos que tenha ocorrido um erro no sistema na hora da minha compra, a promoção valia para todos os clientes, isto é, homens também, aqui está a "prova do crime":